Sexta-feira, 12 de Março de 2010

Profecias apontam que o planeta vive final dos tempos

Profecias apontam que o planeta vive final dos tempos

Monica Buonfiglio

Assistimos diariamente uma infeliz sucessão de catástrofes e muitos perguntam: seria o fim do mundo de acordo com várias religiões? Uma realidade quase profética está deixando as pessoas atemorizadas. Os visionários buscam respostas através de cálculos que tentam traduzir as mensagens dos livros religiosos, mas compreender o que está ocorrendo não é um trabalho fácil. A ciência explica que a Terra está caminhando para um alinhamento que levará a uma natural mudança no campo magnético terrestre.

Para os maias, o início do fim da nossa Era foi iniciado em 1999 e alcançará o ápice em 2012. Os cristãos falam da proximidade do dia do juízo final. Em 1555, Nostradamus, nas quadras de suas centúrias, descreveu a 3ª Guerra Mundial, onde presenciaríamos grandes calamidades: "chuva, sangue, leite, fome, ferro e peste; será visto fogo no céu e correr grande faísca".

Todas as previsões são unânimes em afirmar que os dias finais serão marcados por fenômenos espantosos como gigantescas ondas provocadas por tsunamis, desabamento de montanhas, erupções vulcânicas, incêndios e muitas vidas perdidas.

Das previsões mais conhecidas, as "Sete Profecias Maias" (4 a.C - 9 a.C) está sendo considerada uma das mais impactantes. O índio maia Chalam Balam criou um calendário com base nas contagens de ciclos conhecidos como katun (ou b'ak'tun), que se iniciou há mais de 5 mil anos, cujo término estaria marcado para 23 de dezembro de 2012. Os maias dedicavam especial atenção ao estudo do tempo e alguns fatos previstos já ocorreram, descritos na década de 80 e 90 por estudiosos que também traduziram as profecias, que transcrevo aqui de maneira reduzida:

1) No solstício de inverno, que ocorrerá em 23 de dezembro de 2012, cidades serão destruídas pela ação da natureza; os homens serão vistos em seu grande salão de espelhos no "tempo do não-tempo" onde todos serão juízes de si mesmos.

2) Um eclipse solar ocorrido em 11/8/1999 mudou a consciência planetária. A partir disso, existiriam dois caminhos a seguir: a tolerância ou o medo. Cada ser humano deverá fazer sua escolha. Também marca o início de intensos conflitos políticos .

3) O aumento da temperatura da Terra produzirá transformações geológicas e climáticas que afetará a fauna e flora.

4) A intensa atividade solar irá provocar alterações nos oceanos e o derretimento dos pólos.

5) Todo sistema baseado no medo passará por uma grande mudança; uma crise no sistema financeiro fará com que a sociedade seja reorganizada>

6) O aparecimento do cometa Ajenjo colocará a Terra em risco.

7) O início de uma Nova Era irá ocorrer devido a uma faixa vibracional emitida pela luz do centro da galáxia, concedendo aos seres humanos um novo tipo de comunicação sem limites.

A mitologia do povo celta (1.300 a.C) e as sibilinas romanas (6 a 4 a.C) já prediziam que nos finais dos tempos ocorreriam a mudança climática das estações, a decadência das classes sociais, a maldade e o relaxamento do costumes.

No Apocalipse (Revelação) de São João está escrito que reinará unicamente o fogo e a água. A besta subirá do abismo, guerreará, matará, triunfará (AP. 11.7) e desviará do bom caminho toda terra habitada (Ap. 12.9). Também trata do cometa Absinto e do Armagedom, ou seja, a batalha final onde Deus e seus soldados tentarão destruir o anticristo (Ap. 16.16; 20. 1-3, 7.10). As nações estarão unidas neste confronto final.

Para o islamismo, antes do fim dos tempos vários sinais poderão ser vistos, como o nascimento do Sol no poente, o som das trombetas e o aparecimento da besta. O Alcorão revela que o mundo não acabará, mas sofrerá grandes alterações.

A teosofia fundada por Helena Blavatsky revela que a etapa final dos tempos está associada aos novos valores espirituais adquiridos depois do sofrimento pela humanidade. A gnose entende como algo natural e que não se deve temer, pois tudo é uma manifestação da grande deusa ou Sophia, o aspecto feminino de Deus que está descontente com o que fazemos com a natureza. Este conceito é muito similar com o I Ching ou O Livro das Mutações, que pontuou uma grande alteração da consciência dos homens que ocorreria em novembro de 2012.

Os judeus não veem o fim com uma catástrofe, mas, sim, a vinda do Messias. Enquanto hinduístas e budistas referem-se a ação da deusa Kali, que destroi para reconstruir um novo ciclo.

O espiritismo explica que existe a necessidade de reconhecer que o progresso desmedido traz o sofrimento e as tragédias, cuja intenção é fazer com que os seres humanos corrijam erros e progridam mais depressa espiritualmente.

O que se nota é que a maioria das revelações proféticas atenta a um fato transformador em 2012: a Terra não terá um fim, mas o término do modo em que a vemos em todos os sentidos, onde o exercício da nossa liberdade pode influenciar novas alternativas. Quem sabe não seria o momento ideal para aproveitar melhor a vida e deixar de se preocupar tanto com a ideia de quando vamos morrer?

O que pode ser feito? Precisamos tomar cuidado para não sermos Cassandra e ver tudo de maneira negativa. A lenda conta que o deus Apolo se apaixonou por Cassandra, filha dos reis de Troia e, por isso, ensinou-lhe a arte da adivinhação. Porém, depois que recebeu este dom, desfez-se do deus. Irado por não ter cumprido sua parte no trato e sentindo-se rejeitado, Apolo cuspiu na boca de Cassandra e a amaldiçoou. A partir daquele momento, nenhuma pessoa acreditou nas previsões da bela mulher, embora fosse considerada como uma das melhores sacerdotisas que já teria existido. A partir daí, Cassandra passou a fazer suas previsões de maneira histérica, gritando, arrancando os cabelos e movimentando seu corpo de maneira desordenada, sem que ninguém acreditasse em uma única previsão. Por isso o dito popular lembra o mito com frases como esta: "fulana parecia Cassandra", quando alguém utiliza de previsões e diz apenas desgraças.

Ouvir nossa intuição também ajuda, pois é através dela que o anjo guardião consegue nos avisar de algo, porém é sabido que não se pode escapar quando se chega a hora. Todos que se foram nestas tragédias estavam preparados, já que a voz secreta já os havia informado, pois cumpriram suas missões.

Seria o fim do mundo? Nem mesmo as previsões podem dizer com certeza. É um desafio tentar descobrir o que irá acontecer. O certo é que esses acontecimentos fazem parte do grande mistério do universo.






fonte: enviado por e-mail. CONTRIBUIÇÃO DE CLEIDE BRITO.

publicado por luzdecuraeamor às 21:57
link | comentar | favorito
Terça-feira, 26 de Janeiro de 2010

PROFECIAS - RAMATIS - PLANETA: O futuro do Brasil e do Mundo na visão de Ramatis



Slide 1 -  O futuro do Brasil e do Mundo na visão de Ramatis Avance c/o mouse

Slide 2 Em 2 textos do século passado, o espírito chamado Ramatis já apontava acontecimentos para a virada do milênio. Entretanto, observamos que eventos previstos para a última década do século XX só estão acontecendo agora, na primeira década do século XXI. No livro “Mensagens do Astral”, escrito na década de 40 do século XX, Ramatis diz: “A eclosão desses acontecimentos dar-se-á pela presença de um planeta que se move em direção à Terra e cuja aproximação já foi prevista remotamente pelos Engenheiros Siderais.”

Slide 3 “A sua órbita é oblíqua sobre o eixo imaginário do vosso orbe e o seu conteúdo magnético, poderosíssimo, atuará tão fortemente que obrigará, progressivamente, a elevação do eixo terráqueo.”

Slide 4 A inclinação do eixo da Terra atualmente é de 23,45° “A elevação do eixo se processará gradativamente...” ... a influência magnética deste astro far-se-á sentir até que se complete a verticalização da posição Terra. Quando o eixo terráqueo estiver totalmente verticalizado, o planeta intruso já se terá distanciado do vosso orbe.” (pg. 35 e 36)

Slide 5 “Países desaparecerão, nações inteiras, poderosas (...) Até o final deste século, libertar-se-ão da matéria dois terços da humanidade, através de comoções sísmicas, inundações, maremotos, furacões, terremotos, catástrofes, hecatombes, guerras e epidemias estranhas. O conflito entre o continente asiático e o europeu (...) Em virtude de os cientistas não poderem prever com absoluto êxito os efeitos de vários tipos de energias destrutivas, que serão experimentadas para serem empregadas na hecatombe final, mesmo no período de Paz e com o mundo exausto, surgirão estranhas epidemias, deformando, diluindo e perturbando os genes formativos de muitas criaturas, do que resultarão sofrimentos para as próprias gestantes!”

Slide 7 “Montanhas serão submersas, novas terras emergirão do fundo dos mares. Terras férteis, prontas para o renascimento de uma nova Humanidade.” “O que resultará a existência de apenas três continentes, para melhores condições de existência da humanidade futura.” Nem todos os países e agrupamentos serão atingidos catastroficamente pelas comoções geológicas, submersões de faixas litorâneas e pelas inundações inevitáveis.(...) O mundo não acabará, como pensam alguns: sofrerá apenas tremendas modificações com a verticalização do eixo da Terra. O que está em cima, para baixo irá e, o que está embaixo, ressurgirá. Montanhas se tornarão planícies e mares invadirão terras.” “No plano traçado pela engenharia sideral já foram assinaladas as coletividades que devem permanecer como sustentáculos das tradições morais, históricas e iniciáticas, a fim de servirem de base lógica e sensata para o desenvolvimento disciplinado da civilização futura.”

Slide 8 “Vosso país muito será poupado.” “O Brasil não ficará incólume. Todavia, será abrandado o seu carma coletivo porque para aqui virão os refugiados de outras terras, de todas as partes do globo e, aos que aqui estiverem, caberá o papel de anfitriões, abrindo os seus braços e ofertando o seu coração, sem olhar cores ou nacionalidades, porque aí então começarão a compreender o verdadeiro sentido da palavra Fraternidade.(...) O êxito desejado não será obtido de modo ex-abrupto, mas sim no decorrer dos primeiros dois ou três séculos. Ao começo, quase tudo estará por fazer e renovar.(...) Quando se fizer a conjunção dos efeitos do astro intruso com os efeitos da loucura humana, no mau emprego da desintegração atômica, a terra será abrasada.(...)

Slide 9 “O que está para vir é quase irreversível.” “Dizemos quase, porque muita coisa pode ainda ser mudada, se assim o desejarem os homens e se para isto se esforçarem.”

Slide 10 Interessante exclarecer que profecias bem anteriores já falavam sobre estes acontecimentos: Os maias descreveram o fenômeno astrológico como um cometa - Ajenjo como o chamavam – cuja trajetória colocará em perigo a própria existência do ser humano. Nostradamus e outros profetas, como S. Malaquias também descrevem estas mudanças... Mais recentemente, no final do século XIX, Helena Blavatski nos fala também na mudança de eixos cíclicas por que passa o nosso planeta e que uma alteração do tipo estaria próxima... Assim também Edgar Cayce, etc...

Slide 11 A energia adicional do raio emitido por Hunab Ku (Centro da Galáxia) ativa o código genético de origem divina, nos seres humanos que estejam em Alta Freqüência Vibracional. A 7ª PROFECIA maia nos fala do momento em que o Sistema Solar, em seu Giro Cíclico, sai da NOITE para entrar no AMANHECER da Galáxia. Fala, também, que nos 13 anos que vão desde 1999 até 2012, a luz emitida a partir do Centro da Galáxia irá sincronizar todos os seres vivos e permitir-lhes que concordem, voluntariamente, com sua transformação interna, produzindo novas realidades, que darão a todos a oportunidade de mudar e romper suas limitações, através do pensamento.

Slide 12 Todas as profecias se destinam a uma mudança de consciência, pois o Universo gera todos esses processos, afim de expandirmos nossa Consciência pela Galáxia. Devemos nortear nossas ações de forma positiva e crescer com as dificuldades que encontramos.

Slide 13 Iremos compreender que somos parte de um único organismo gigantesco e iremos nos conectar com o planeta, uns com os outros, com o nosso Sol e com a Galáxia inteira. Todos os Seres Humanos entenderão que os Reinos Mineral, Vegetal e Animal e toda matéria espalhada pelo universo, desde um átomo até uma galáxia, são seres vivos com uma consciência evolutiva.

Slide 14 “É chegada a hora em que se definirão as posições. É chegada a hora em que todos prestarão contas de seus atos, não só desta encarnação que vivem agora, mas também de muitas, inúmeras que tiveram através dos séculos. ... A Terra será planeta onde, lavados e purificados de seus resíduos, ares e mares emanarão eflúvios benéficos à nova humanidade que semeará o Bem, a energia benéfica, o amor, o altruísmo, fazendo florescer a doutrina do Cristo. ... Muitos dos nossos irmãos escolhidos já aqui se encontram, reencarnados, e outros virão de outras terras, daquelas que já se acham condenadas. Homens, assumi vosso verdadeiro papel! Homens, meditai sobre vossos erros! Homens, voltai atrás em vossas vaidades! Reconsiderai e segui pela estrada do Bem e do Amor! ... Aqueles que serão escolhidos para ficar sobre a Terra no advento do novo século, podem crer que não serão atingidos pelo que está para acontecer. Serão poupados e aqueles ou os seus parentes que partirem é que já se achavam no tempo de desencarnar.”

Slide 15 “Os que permanecerem, terão árdua missão a cumprir; árdua e espinhosa, árdua e trabalhosa, árdua e gloriosa: reconstruir um mundo, reconstruir em sua essência espiritual o mundo cuja parte material será extinta (materialismo).”

Slide 16 O Brasil será não só o celeiro, mas também, o coração do mundo. Por que coração? Somente por ser o povo que mais conhecimento tem das coisas espirituais. que Jesus emitirá suas vibrações. É daqui que partirão as emissões do seu entranhado amor aos homens. É daqui que, como de um grande coração ardente, partirá a chama de amor para a humanidade, que ressurgirá das cinzas do que está para vir. ... daqui, de sobre esta nação pacifista e amiga de todas as outras, cujo povo abre seus braços a todos os seus irmãos de todas as latitudes e quadrantes do globo,
 
Slide 17 “Daqui, desta terra, deste imenso Brasil, partirão os fundamentos do mundo de amanhã. Não queremos dizer com isto que não sejais também sacudidos por grandes acontecimentos, mas eles todos serão de pouca monta em relação com o que acontecerá em outras regiões da Terra. Nada aqui perecerá definitivamente, vossos férteis campos e vossas cidades pouco mudarão, apesar de também sofrerdes os efeitos da verticalização do eixo da Terra. Mas como saireis reforçados e mais seguros espiritualmente depois de tudo isso! Meus queridos irmãos, dessa misteriosa e selvagem Amazônia, um grande destino vos está reservado.”

Slide 19 ... Orai e prossegui.

Slide 20  C R É D I T O S FORMATAÇÃO: MENSAGEIRO DA PAZ TEXTO: Coletânea do livro ‘Mensagens do Astral’, de Ramatís., recebido p/e-mail COMENTÁRIOS: MP

fonte:
http://www.slideboom.com/presentations/131311/RAMATIS~ProfessiasS_P...



Apostila Ramatis - 01 Ramatis e sua obra

Apostila Ramatis - 01 Ramatís e sua obra
 




 
Visão psíquica de Ramatís

Segundo informações que nos foram trazidas, RAMATÍS é entidade de princípios universalistas, filiado ao grupo espiritual conhecido no Oriente sob a denominação de TEMPLÁRIOS DAS CADEIAS DE AMOR profundamente ligado às tradições e princípios orientalistas. Exerce no espaço, a função de Secretário Geral da FRATERNIDADE DA CRUZ E DO TRIÂNGULO, que se empenha em divulgar os ensinamentos de JESUS, paralelamente com a tradição espiritualista do Oriente, estabelecendo assim, um profícuo intercâmbio entre as correntes espiritualistas do Ocidente e as fraternidades iniciáticas do mundo Oriental, com significativo proveito para toda a Humanidade.

Segundo Hilarion de Monte Nebo e outros sublimes mensageiros, RAMATÍS viveu anteriormente na roupagem de NATHAN, o grande conselheiro de SALOMÃO; de KUT-HEME; de ESSEN, filho de Moisés e fundador da fraternidade ESSÊNICA, fiel seguidora dos ensinamentos Kobdas; e mais recentemente, como FILON de Alexandria, contemporâneo de JESUS, por cuja segurança muito lutou.

Sua bagagem espiritual, porém ele a trouxe de muito mais longo, tendo militado na ATLÂNTIDA, ao tempo de ANTÚLIO e onde conviveu com ALLAN KARDEC, o futuro Codificador do Espiritismo. Viveu também no Egito, na era de Ramsés II e do Faraó Mernephtah, quando reencontrou –se com Kardec, então o sacerdote Amenófis.

Sua última encarnação na Terra ocorreu na INDO-CHINA, já como Ramatís, no século X. Continua, entretanto, militando em nosso pequeno mundo, em obras de transformações sociais e como insigne mensageiro que, não obstante as conhecidas limitações mediúnicas, ainda consegue ditar obras de envergadura de FISIOLOGIA DA ALMA, MENSAGENS DO ASTRAL, EVANGELHO À LUZ DO COSMO, além de outras, contendo mais de uma dezena de preciosidades de inegável valor doutrinário e filosófico.

Como mensageiro sideral, ombreia-se RAMATÍS com as mais destacadas entidades, tais como Emmanuel ou Hilarion. E, como luzeiro espiritual, não há prisma terráqueo capaz de mensurá-lo.
De notar em que toda a sua literatura, RAMATÍS curva-se à majestosa personalidade de Allan Kardec, com importantes referências ao seu inexcedível pentatêuco – a CODIFICAÇÃO ESPIRITA, salientando sempre que o ESPIRITISMO sem KARDEC não é ESPIRITISMO.

O Templo que RAMATÍS fundou foi erguido pelas mãos de seus primeiros discípulos e admiradores. Cada pedra de alvenaria recebeu o toque misterioso que não pode ser explicado a contento na linguagem humana. Sentem no, por vezes e tal modo, que as lágrimas lhes afloram aos olhos, num longo suspiro de saudade.

Embora tendo desencarnado ainda moço, RAMATÍS pode aliciar 72 discípulos que, no entanto, após o desaparecimento do mestre, não puderam manter-se à altura do mesmo padrão iniciático original. Eram adeptos de diversas correntes religiosas do EGITO, da ÍNDIA, da GRÉCIA, da CHINA e até da ARÁBIA.

Apenas 17 conseguiram envergar a simbólica “TÚNICA AZUL” e alcançar o último grau daquele círculo iniciático. Os demais, seja por ingresso tardio, seja por menor capacidade de compreensão espiritual, não alcançaram a plenitude do conhecimento das disciplinas ensinadas pelo MESTRE. 26 adeptos estão no Espaço (desencarnados), cooperando nos trabalhos da “CRUZ E DO TRIÂNGULO”. O restante disseminou-se pela Terra, em diversos lugares. Sabemos que 18 reencarnaram no Brasil, 6 nas Américas, enquanto os demais espalharam-se pela Europa e Ásia.

Como a Europa está atingindo o final de sua missão civilizadora, alguns discípulos reencarnados emigrarão para o Brasil, em cujo território – afirma RAMATÍS – se reencarnarão os predecessores da generosa humanidade do terceiro milênio.
No templo que RAMATÍS fundou na ÍNDIA, esses discípulos desenvolveram seus conhecimentos sobre magnetismo, astrologia, clarividência, psicometria, radiestesia e assuntos quirológicos, aliados à filosofia do “duplo etérico”. Os mais capacitados tiveram êxito no campo da “Fenomenologia mediúnica” dominando fenômenos de levitação ubiqüidade, vidência e psicografia de mensagens que os instrutores enviavam para aquele templo de estudos espirituais.

Mas, o principal “toque pessoal” que RAMATÍS desenvolveu em seus discípulos foi o pendor universalista, devido ao próprio fundamento fraterno e crístico para com todos os esforços na esfera espiritualista.
Não se preocupam com os invólucros dos homens, movendo-se para solucionar o mistério da vida. Sentem a realidade contínua do Espírito, que só lhes inspira o amor e a fraternidade, a qualquer momento e em qualquer local.
Respeitam e compreendem a necessidade que os homens tem de buscar a verdade a fim de se exercitarem para os vôos crísticos do futuro. Não se adaptam a exclusivismo algum e evitam postulados doutrinários que cerceiam a liberdade da razão.

VISÃO PSÍQUICA DE RAMATÍS:

Ele nos apresenta com um traje composto de ampla capa aberta, descida até os pés, com mangas largas que lhe cobre a túnica ajustada por um largo cinto de um verde esmeraldino. As calças são apertadas nos tornozelos, como as que usam os esquiadores. Toda veste é de seda branca, imaculada e brilhante, lembrando um maravilhoso lírio translúcido.

Os sapatos, de cetim azul-esverdeado, são amarrados por cordões dourados que se enlaçam acima do calcanhar, à moda dos antigos Gregos. Cobre-lhe a cabeça, um turbante de muitas pregas, encimado por cintilante esmeralda e ornamentado por cordões finos, de diversas cores, caindo sobre os ombros.

Sobre o peito, uma corrente formada por pequeninos elos, de fina ourivesaria, da qual pende um triângulo lilás, luminoso que moldura uma delicada cruz alabastrina.

Para consultar os livros clique aqui ou na imagem para acessar o site.
FONTE:
http://www.ramatis.org.br/quem.htm
Copyrigh - Todos Direitos Reservados para
www.ramatis.org.br
publicado por luzdecuraeamor às 21:17
link | comentar | favorito
Sábado, 5 de Dezembro de 2009

AS 7 PROFECIAS MAIAS



No mês de Julho de 2006, telescópios e supercomputadores revelaram que o nosso Sistema Solar se encontra no cruzamento entre duas galáxias e se alinhará com o centro da Via Láctea em 2012 - quando receberá o fluxo máximo de energia das formações de plasma luminoso por onde transita actualmente. Esse acontecimento cósmico, jamais sonhado pelos astrônomos contemporâneos, foi calculado pelos antigos astrônomos do Egipto e da América Central, de que se destacava o povo Maia.

Com base em suas observações os Maias previram que a partir da data inicial de sua civilização, desde o 4° Ahua, 8° Cumku, isso é 3.113 a.C., totalizará 5.125 anos no futuro, ou seja ao ano de 2012 d.C., quando o sol ao receber um forte raio sincronizado proveniente do centro da galáxia, mudará sua polaridade e produzirá uma gigantesca labareda radiante. Coincidência ou não, o facto é que nossos astrónomos verificam grande actividade na superfície solar nos últimos anos, podendo intensificar-se extraordinariamente no ano 2012.

Aqui ficam as Profecias Maias:


1ª Profecia

A primeira profecia diz que nosso mundo de ódio, materialismo e medo, terminará num sábado, 22 de Dezembro do ano 2012. Neste dia a humanidade deverá escolher entre desaparecer como espécie pensante, que ameaça destruir o planeta, ou evoluir à integração harmônica com todo o Universo, compreendendo que somos parte deste Todo, e que podemos existir em uma Nova Era de luz.

A primeira profecia diz ainda que a partir de 1999 teríamos apenas 13 anos para realizar as mudanças de consciência e atitude necessárias para desviar nosso caminho da destruição, e avançarmos para uma nova realidade onde a vida se integra com tudo o que existe.

Os Maia sabiam que nosso Sol é um Ser vivo que respira e que de tempos em tempos sincroniza-se com o enorme Organismo do qual faz parte ao receber um raio de luz do centro da galáxia. Esse raio de luz, em ressonância com o Sol, produz em sua superfície o que os cientistas chamam de erupções solares e campos magnéticos. Os Maias predisseram que isto sucede em ciclos de 5.125 anos e que a Terra seria afectada pelas mudanças do sol, mediante um deslocamento de seu eixo de rotação e previram que a partir deste movimento se produziriam grandes cataclismos.

Para os Maia, os processos universais, como a 'respiração' da galáxia, são cíclicos e nunca acabam. O que muda é a consciência do homem que passa através deles sempre em um processo de aperfeiçoamento. A humanidade deve estar preparada para atravessar esse 'portal' previsto pelos Maia, que transformará a Civilização actul em uma civilização com uma freqüência vibratória mais elevada. Só de maneira individual se pode atravessar a porta que permite evitar o grande cataclismo que sofrerá o planeta, para dar começo a uma Nova Era e um "sexto ciclo" do Sol.

Os Maia asseguravam que a sua civilização era a quinta iluminada pelo sol. O quinto grande ciclo solar. Que antes, sabiam ter existido na terra outras quatro civilizações, que foram destruídas por desastres naturais. Eles acreditavam que cada civilização é apenas parte da consciência colectiva.

Para os Maia, no último cataclismo, a civilização foi destruída por uma grande inundação (o Dilúvio de que fala a Bíblia), deixando poucos sobreviventes e que seriam seus descendentes. Pensavam que, conscientes no final destes ciclos, muitos seres humanos se preparariam para o que viria, e que, graças a isso, haviam de conseguir conservar sobre o planeta a espécie pensante: o homem. Dizem-nos que a mudança temporal nos permitirá ascender a uma nova etapa consciêncial, direcionando-nos a uma Nova Civilização que se manifestará mais harmoniosa, vivendo mais de acordo com a sua verdadeira condição.

A primeira profecia nos fala no "tempo-do-não-tempo". Um período de 20 anos, chamado por eles de Katum - os últimos vinte anos deste grande ciclo solar de 5.125 anos. De 1992 a 2012, profetizaram os maias, que durante este tempo manchas e ventos solares, cada vez mais intensas, apareceriam no sol. Que desde 1992 a humanidade entraria em um último período de grandes aprendizados, de grandes mudanças. Que a nossa própria conduta de depredação e contaminação do planeta contribuiria para que estas mudanças acontecessem. A primeira profecia disse que estas mudanças vão acontecer para que compreendamos a mecânica do Universo, e avancemos para níveis superiores, deixando para trás o materialismo, a dor e o sofrimento.

O livro sagrado Maia - Chilam Balam - diz que, ao final do último Katum, cidades serão destruídas e, haverá um tempo de obscuridade, mas que logo chegará a seara futura - os homens do sol, que despertarão a Terra pelo norte e pelo oeste. Disseram que as palavras de seus sacerdotes seriam ouvidas por todos, como um guia para o despertar. Eles falam desta época, como o tempo em que a humanidade entrará no Grande Salão dos Espelhos. Uma época de mudanças, para o homem se confrontar consigo mesmo e analise e reveja seu comportamento consigo e com o Todo. Uma época para que toda a humanidade, por decisão consciente, mude e elimine o medo e a falta de respeito em todas as relações.



2° Profecia

A segunda profecia Maia anunciou que, o comportamento de toda a humanidade mudaria rapidamente, a partir do eclipse do sol em 11 de agosto de 1999. Naquele dia, vimos que um anel de fogo se recortava contra o céu. Foi um eclipse sem precedentes na história, pelo alinhamento em cruz cósmica, com o centro na Terra, de quase todos os planetas do sistema solar. Eles se posicionaram nos quatro signos do zodíaco, que são os signos dos quatro evangelistas. Os quatro guardiões do trono que protagonizam o Apocalipse segundo São João. Além disso, a sombra que a Lua projetou sobre a Terra, atravessou a Europa, passando por Kosovo, depois pelo oriente médio, pelo Irão, pelo Iraque, e posteriormente dirigiu-se ao Paquistão e a Índia. Com sua sombra ela parecia prever uma área de guerras e conflitos.

Os Maias sustentavam que a partir deste eclipse, o homem perderia facilmente o controle de suas emoções, ou então alcançaria sua paz interior e tolerância, evitando os conflitos. Sendo assim, passamos a viver uma época de mudanças, que é a ante-sala de uma Nova Era. A noite fica mais escura antes do amanhecer. O fim dos tempos é uma época de conflitos e grandes aprendizados, guerras, separação e loucura colectiva, que gera por sua vez, processos de destruição e de sofrimento, para a evolução selectiva.

A segunda profecia indica que a energia que se recebe do centro da galáxia aumentará, e acelerará a vibração em todo o Universo para conduzi-lo a uma maior perfeição. Isso produzirá mudanças físicas no sol, na Terra, e mudanças psicológicas no ser humano, alterando seu comportamento e sua forma de pensar e sentir. Serão transformadas as relações e as formas de comunicação, os sistemas económicos, sociais, de ordem e justiça. Serão mudadas as convicções religiosas e os valores que aceitamos hoje. O ser humano irá confrontar-se com seus medos e angústias, para solucioná-los, e deste modo poderá sincronizar-se com os ritmos do planeta e do universo. A humanidade irá perceber seu lado negativo e, as conseqüências de suas atitudes. Esse é o primeiro passo para a transformação e unificação que, remete à necessidade da permanência no bem e da paz interior.

Serão incrementados acontecimentos que nos separam, mas também os que nos unem. A instabilidade emocional, o medo, a agressão, o ódio, as famílias em dissolução, os enfrentamentos por ideologia, religião, modelos de moralidade ou nacionalismo. Simultaneamente, mais pessoas encontrarão a paz e, aprenderão a controlar as suas emoções. Haverá mais respeito, mais tolerância e compreensão, mais compaixão, amor e sentimentos de unidade. Surgirão homens com altíssimo nível de evolução. Pessoas com sensibilidade e poderes intuitivos para a salvação. Mas também aparecerão farsantes (os falsos cristos e falsos profetas), que só pretenderão obter lucro económico à custa do desespero alheio.

Os Maias previram que em 1999 começaria a era do tempo do não-tempo. Uma etapa de mudanças rápidas, necessárias para renovar os processos geológicos, sociais e humanos. Ao final do ciclo, cada um será seu próprio juiz. Quando o ser humano ingressar no Grande Salão dos Espelhos para examinar sua trajectória, será classificado pelas qualidades que tenha conseguido desenvolver no decorrer da eternidade, seu comportamento consigo mesmo e com seus semelhantes, com o Planeta, com o Todo. “A cada um, de acordo com suas acções.”


Haverá momentos difíceis mas muitos conservarão a serenidade e harmonia numa compreensão das coisas que sucederão, enquanto outros revelarão medo e frustração, culpando Deus pelo que acontecerá, pois a morte e sofrimento reinará. Mas também tudo isso originará mais solidariedade e respeito pelos semelhantes, de unidade com o planeta e o Cosmos. Isso significa que o 'céu' e o 'inferno' estarão se manifestando simultaneamente, e que cada ser humano aceitará ou rejeitará tudo conforme suas crenças. Uns revelarão mais sabedoria outros mais ignorância. Na época da mudança dos tempos todas as opções estarão disponíveis e praticamente não haverá censura de nenhum tipo, os valores morais serão mais frouxos do que nunca, para que cada um se manifeste livremente como é.

A segunda profecia afirma que se a maioria da humanidade conseguir transcender suas limitações, sintonizando-se com as novas energias, muitas mudanças drásticas que serão descritas nas próximas profecias poderão ser anuladas. O ser humano sempre decidiu seu próprio destino pelo seu livre-arbitrio. As profecias são apenas advertências para que tomemos consciência da necessidade de mudar o rumo das nossas escolhas erradas evitando que se tornem realidade.



3° Profecia

A terceira profecia diz que uma onda de calor aumentará a temperatura do planeta provocando mudanças climáticas, geológicas e sociais de magnitudes sem precedentes e a uma velocidade assombrosa.

Os Maias disseram que esse aquecimento se dará por vários factores. Alguns deles pelo ser humano que por sua falta de sincronismo com a Natureza só poderá produzir processos de auto-destruição. Outros factores serão gerados pelo sol, que ao acelerar sua actividade pelo aumento da sua vibração, produzindo mais irradiação aumentando a temperatura do planeta.

Cada um de nós, de uma forma ou de outra, ajudamos a desflorestar o planeta ou a contaminá-lo. Com nossos automóveis, com nossos consumos excessivos levando a mais exploração aos recursos naturais do planeta e produzindo lixo de todo o género. Contribuímos assim para que o clima do planeta volte-se contra nós. As mudanças já estão acontecendo, mas como estão acontecendo muito lentamente nos adaptamos a elas e nem as percebemos.

O processo global de industrialização que teve lugar no século XX mudou dramaticamente a atmosfera com suas emissões de gases tóxicos. A chamada chuva ácida, um subproduto da queima de carvão ou derivados de petróleo e emissões de sulfetos e óxidos de nitrogênio das industrias tem lugar no mundo todo e concentra-se nas áreas urbanas, corroem os monumentos e pontes, destrói a pintura externa, os bosques, causa damos à vida marinha e aos solos cultivados, transforma a água potável em tóxica e reduz a visibilidade. As chaminés contaminantes de milhões de fabricas indiferentes ao dano que causam, modificaram as temporadas de chuvas, as estações do ano e o clima.

Tudo isso deu lugar ao aparecimento do 'Efeito Estufa' e o "Aquecimento Global" pois a concentração de CO2 que fica flutuando na atmosfera reage quimicamente com dióxidos aumentando a temperatura. O ar que respiramos está cheio de partículas de monóxido de carbono, dióxido de nitrogênio e metano, produtos resultantes da combustão de gasolina no motor de milhões de automóveis e de milhares de usinas térmicas e de geração de electricidade em todo o mundo.

A depredação de selvas e florestas para terras de cultivo ou para ampliar as cidades tornou-se uma prática comum. Os bosques que purificam o ar ao transformar gás carbônico em oxigênio, são incendiados. O ser humano não é consciente do mal que está causando ao planeta, nem que é preciso plantar para repor a vegetação que consome. O planeta transformou-se num grande depósito de lixo. Enviamos contentores com resíduos radioactivos para o fundo do mar, carregamos navios inteiros com substancias não-degradáveis, já não falando das marés negras causadas pelo derramamento de petróleo dos grandes petroleiros cujos acidentes ocorrem periodicamente.

As variações climáticas, conseqüência das relações danosas do ser humano e das mudanças do comportamento do sol, produzem uma alteração das chuvas, diminuem sua intensidade, quantidade e regularidade. O aumento da temperatura produzirá fortes ventos, furacões e tufões.

Os furacões são tormentas gigantescas e violentas, um redemoinho de destruição e morte. São chamados de FURACÃO em homenagem ao deus do mau dos aborígines do Caribe. O furacão Mithi e os fenômenos associados ao El-niño são evidencias da tendência para grandes desastres causados pelo clima.

O sistema hídrico é fundamental, pois cerca de 70% da superfície do planeta está coberta por água. Com o aumento da temperatura, diminui a humidade relativa do ar que trará como conseqüência menos nuvens e maior exposição ao sol, agravando assim o problema, assim será evaporada a água dos solos, produzindo muitas secas e grandes incêndios em todo o planeta, o falto d’água produzirá grave inconveniente à vegetação, reduzindo seu crescimento e diminuindo consideravelmente o tamanho das colheitas. Ao reduzir-se a quantidade de água das chuvas, diminuirá também o fluxo dos açudes e lagos, criando sérios problemas à fauna da terra.

Tudo isso causará um forte impacto na economia, haverá desabastecimento e muitos produtos que dependem do clima como a água, as folhagens, os cereais, os pescados e a geração de energia eléctrica terão aumentos vertiginosos de preço, serão épocas de racionamento e haverá grande descontentamento social, aumentará o numero de pragas, insectos e doenças tropicais como a malária.

O comportamento do ser humano será crucial para suportar o aumento geral da temperatura causada pela sua própria conduta inconsciente e depredatória.


Os Maias sabiam do Aquecimento Global e das conseqüentes catástrofes que aconteceriam - forçando o ser humano a se sintonizar com o Criador, consigo próprio e com a Natureza ou a ter que enfrentar o Caos, a destruição e a morte que se sucederiam.


Os Maia foram uma cultura eminentemente astronômica. Conceberam o ser humano como uma projecção de energia. Eles nos deixaram seus estudos nos calendários mais precisos de todas as civilizações da Terra, os quais são a base de suas profecias.



4° Profecia

A quarta profecia Maia diz que o aquecimento do planeta, causado pela conduta anti-ecológica do ser humano e por uma maior actividade do sol, causará o derretimento do gelo dos pólos. Se o sol aumentar seus níveis de actividade acima do normal haverá uma maior produção de ventos solares, mais erupções maciças desde a coroa do sol, um aumento na irradiação e um incremento na temperatura do planeta.

Os Maia se basearam no giro de 584 dias do planeta Vênus para efectuar seus cálculos solares. Vênus é um planeta facilmente visto no céu, pois sua órbita está entre a terra e o sol.

Eles deixaram registrados em seu “Códici drede” que a cada 117 giros de Vênus, marcado a cada vez que o planeta aparece no mesmo ponto no céu, o sol sofre fortes alterações e aparece grande mancha ou erupções do vento solar, advertiram que a cada 1.872.000 kines, ou seja, 5.125 anos, são produzidas alterações ainda maiores e que quando isto ocorrer o ser humano dever estar alerta, é o presságio de destruição e mudanças.

No “Códice drede” também figura o numero 1.366.560 kines que tem a diferença de 1 katun (20 anos) como um número que aparece no Templo da Cruz.

No Templo da Cruz, em Palenque, está entalhado o numero 1.359.540 kines, a diferença que ele tem anotado no “Códice drede” é de 20 anos ou 1 katun, é um período de tempo que eles chamavam de “Tempo do não-tempo” e é o que estamos vivendo desde 1992. As mudanças da actividade do sol serão maiores posto que as protecções que temos em todo o planeta estão ficando mais fracas.

O escudo eletromagnético que temos e nos protege (a camada do Ozono) está diminuindo em sua intensidade. A produção de ozônio na ionosfera que impedia a chegada dos raios ultravioletas à Terra diminuiu e já apareceram alguns buracos enormes sobre os pólos permitindo a chegada dos raios do sol à superfície do planeta.

A actividade do ser humano está alterando a composição da atmosfera. O chamado “efeito estufa” que impede a saída do calor e aumenta a temperatura. Todos os fenômenos ao ocorrer simultaneamente produzirão modificações no clima e um aumento da temperatura nos mares e derreterá mais rapidamente o gelo nas calotas polares. Isso causará aumento do nível dos mares produzindo inundações nas terras costeiras, modificação morfológica dos continentes onde vivemos.

Os Maias previram que esta seria a forma como o planeta s limparia e teria muitas áreas verdes por todas as partes, o aumento da temperatura já começou, relatórios científicos de diversas fontes confirmam, estudos realizados oea Universidade de Colorado concluem que as geleiras e picos nevados de todo o mundo estão diminuindo seu volume notavelmente, como resultado do aumento geral da temperatura do planeta.

O maior pico nevado na África, o monte Kenia, perdeu 92% de sua massa, os picos nevados do monte Quilimanjaro sofreram redução de 73%, na Espanha em 1980 havia 27 picos nevados, esse número foi reduzido para 13. Nos Alpes europeus e no Cáucaso na Rússia diminuíram 50%. Na Nova Zelândia e nos montes entre a Rússia e na China houve redução de 26%, os cálculos preliminares dos estudos dizem que se as mudanças continuarem no mesmo ritmo, em 50 anos não haverá picos nevados em nenhuma parte do mundo.

Na Antártida a situação é ainda mais grave, o pico está se derretendo a partir do centro e não a partir das bordas. É sabido que quando um lago gelado começa a derreter ele sempre o faz a partir de seu centro. A temperatura na Antártida aumentou 2,5°C nos últimos 25 anos e está aparecendo vegetação em locais onde antes não havia nada mais do que gelo.

Mais de 50% da população mundial vive perto do mar, por isso milhões de pessoas serão afectadas e deslocadas de seus lares. 1998 estabeleceu recordes de altas temperaturas, que ficaram dentre as mais altas dos últimos 600 anos. No entanto um aumento da temperatura como este que vem ocorrendo não muda rapidamente os níveis de água em todo o planeta, será um processo que levará vários anos. A única coisa que poderia mudá-los seria uma mudança súbita na posição da crosta terrestre sobre seu núcleo central. Isso já ocorreu varias vezes no planeta ao mudar a posição dos pólos. Sabemos que muitas coisas que não queremos que aconteçam e que causam grandes tragédias, acabam acontecendo.

Devemos nos concentrar em produzir resultados positivos de nossas acções e ao mesmo tempo crescer com as dificuldades que encontramos. Devemos assumir a vida e tomar as decisões de maneira consciente, devemos abrir os olhos às possibilidades que possam nos trazer e mundo em que todos culpam os outros pelo que acontece.

Todas as profecias procuram uma mudança na mente humana, pois o universo está gerando todos esses processos para que a humanidade se expanda pela galáxia compreendendo sua integridade fundamental com tudo que existe.



5° Profecia

O tempo maia é circular avança para frente e para trás, simultaneamente, nunca termina. É formado por círculos que sempre existiram, que continuarão a existir, eternamente. É o respirar de Hunab-Ku, o respirar de Deus. Nós também temos esses ciclos internamente para permitir a transformação de nossa mente e a evolução de nossa civilização no sentido da harmonia. Nesse ponto veremos alguns sistemas que irão se transformar para passar do medo ao amor. E os sentidos que desenvolveremos nessa transição.

A 1ª Profecia mostra o Universo como um processo de ciclos eternos com escalas diferentes. Em nível galáctico com ciclos de 26.000 anos. Em nível pessoal, com vidas de 70 anos, que são vividas inscritas nesses círculos maiores. A 1ª profecia anuncia o final do presente ciclo. De 1999 a 2012, cada homem estará no “Salão dos Espelhos” para encontrar em seu próprio interior a sua natureza multidimensional, seu corpo de luz.


A quinta profecia diz que todos os sistemas baseados no medo sob os quais está fundamentada a nossa civilização se transformarão simultaneamente com o planeta e com o ser humano, dando lugar a uma nova realidade de harmonia.

O ser humano está convencido de que o universo existe só para ele, que a humanidade é única expressão de vida inteligente e por isso age como depredador de tudo que existe.

Os sistemas falharão para que o ser humano enfrente-se a si mesmo para que veja a necessidade de reorganizar a sociedade e continuar no caminho da evolução que levará a entender melhor a Criação.

Quase todas as economias do mundo então com problemas, especulações financeiras e os salva-vidas do governo com dinheiro de bancos que estão à beira da falência, dificultam ainda mais todo esse processo.

Existem então situações de alto risco no sistema económico, e no sistema de controle de informações e se a isso acrescentarmos o aumento na atcividade do sol que pode causar danos irreparáveis nos satélites, a situação se complica.

Com as labaredas solares, recebemos uma dose incomum de raios ultravioleta que expande a atmosfera superior diminuindo a pressão que existe sobre os satélites que estão a baixas altitudes. Isso fará com que ele diminua a sua órbita para outra muito mais rápida e perderemos assim o contacto temporal com eles - na melhor das hipóteses - e serão interrompidas todas as comunicações por satélite no planeta, também pode acontecer que os 19.000 objectos que transitam na órbita da terra ao receber a dose alta de electromagnetismo do sol tenham seus componentes electrônicos danificados e deixem de funcionar para sempre.

Ao afectar-se a ionosfera, pela emissão de raios solares, produzem-se alterações em todas as comunicações de radio e televisão, porque é nesta camada que são transmitidas e reflectidas as diferentes freqüências.

Portanto, a economia e a comunicação são sistemas frágeis e interconectados com todos os outros. A rede eléctrica é especialmente sensível às labaredas solares, como ocorreu durante 9hs em todo o Kebeque em 1989.

O sistema de electricidade é a coluna vertebral de nossas sociedades contemporâneas, se um falhar, falharão um atrás do outro como pedras de dominó derrubando consecutivamente todos os sistemas. Dizem que um sistema é tão forte quanto o mais fraco de seus componentes ou elos.

Imaginemos como reagiria a nossa sociedade a todos esses acontecimentos simultâneos. A comida ficaria escassa; as comunicações seriam impossíveis; a trafego enlouqueceria em todas as cidades, a economia ficaria paralisada; a maioria de nós perderia o juízo e teria inicio a uma desordem civil que pela quantidade de pessoas envolvidas ultrapassaria as expectativas e os controles civis e militares do governo. Essa situação de descontrole total modificaria para sempre todos os sistemas da Sociedade.

Os sistemas religiosos baseados em um Deus que infunde medo também entrariam em crise. Surgiria um único caminho espiritual comum a toda a humanidade que terminará com todos os limites estabelecidos entre as diferentes formas de ver Deus.

O novo dia galáctico é anunciado por todas as religiões e cultos como uma época de luz, paz e harmonia para toda a humanidade. É claro então que tudo que não produza este resultado deve desaparecer ou transformar-se. A nova época de luz não pode ter uma humanidade baseada na economia e no poder bélico e imposição de verdades pela força.



6° Profecia

A sexta profecia Maia fala que nos próximos anos aparecerá um cometa cuja trajectória colocará em perigo a própria existência do ser humano.

Os maias viam os cometas como agentes de mudanças que vinham para por em equilíbrio o movimento existente para que certas estruturas se transformem permitindo a evolução da consciência colectiva. Todas as coisas têm um lugar que lhes corresponde, todas as circunstancias, até mesmo as mais adversas, são perfeitas para gerar compreensão sobre a vida, para desenvolver a consciência sobre a criação. Por isso o ser humano está constantemente enfrentando situações inesperadas que geram sofrimento a ele, é um modo de conseguir que ele reflita sobre sua relação com o mundo e com os outros. Assim ao longo de muitas experiências em muitas vidas ele entenderá as leis naturais da razão e da criação.

Para os maias, Deus é a presença da vida em todas as formas e sua presença é infinita.

O cometa - Ajenjo como era chamado – de que fala a profecia foi também anunciado por varias religiões e culturas, por exemplo, na bíblia, no livro das revelações onde recebe o nome de “Absinto”, se o cometa aparecer é possível que sua trajectória o leve a se chocar com a Terra ou então que por meios físicos ou psíquicos conseguiremos desviar sua trajectória.

Os cometas sempre fizeram parte do sistema solar, milhares de resíduos atravessam, cruzam, vão e voltam, periodicamente e inclusive se chocam com os planetas que se movem sempre tranqüilos em suas órbitas regulares ao redor do sol.

A comunidade científica aceita que a 65 milhões de anos, no cretáceo terciário, um cometa caiu em Chicxulub, na península de Yucatan, no Atlântico. Causando a extinção dos dinossauros. Sua cratera com 180 km de diâmetro tem altas concentrações de Irídio – elemento muito raro na terra, mas, muito comum nos asteróides.

Associou-se o aparecimento de asteróides a momentos difíceis como a que coincidiu com a erupção do vulcão Vesúvio que destruiu Pompéia e Herculano no ano 79 d.C. ou com a queda do rei Harold por Guilherme, O Conquistador na Inglaterra e 1066 que foi registrada no Tapete de Beyeux; causaram pânicos colectivos com o Halley em 1910, naquela época presumiu-se que a sua cauda era de gás venenoso (o cianureto) e foram vendidos milhares de pílulas para que as pessoas se protegessem dele. Foram também causadores de suicídios coletivos com os dos 39 membros da “Porta do Céu” em 1997, que acreditavam que o enorme cometa Hali-Bopp, com 40km de diâmetro vinha buscá-los.

Os cometas sempre geraram controvérsias, mas nunca tanta como em 1456 quando reapareceu o cometa Halley que foi considerado como um agente do diabo e deveria ser expulso do céu, sendo excomungado pelo Papa Calípso III.

Foi Isaac Newton que descobriu que a gravidade mantém os planetas girando em órbitas definidas em torno do sol e Edmond Halley, seu contemporâneo, utilizou esses cálculos para determinar as órbitas dos cometas, anunciando que a cada 76 anos o cometa Halley regressaria. Por esse motivo ele leva seu nome.

Os cometas também causaram desastres regionais como na Sibéria, sobre o rio Tungeska, em asteróide de aproximadamente 50m de diâmetro explodiu no ar em 1908, destruindo instantaneamente 2km de um bosque totalmente denso.

Alguns se aproximaram bastante da terra como o comenta Iras-araque-aukoque, aproximou-se a 6 milhões de km da terra e poderia ter causado um dano maior do que se explodissem, simultaneamente, todas as bombas atómicas existentes.

Os maias sempre estudaram e registraram os eventos do céu, seu alerta for prevenir os seres humanos do perigo de não conhecerem as órbitas e os períodos de grandes resíduos que se cruzam com a trajectória da terra. Eles sabiam que para o homem moderno, descobrir com antecedência em asteróides tão grandes que pudessem causar sua extinção e então desviá-lo seria uma das maiores façanhas da historia humana e o fato crucial que nos uniria como espécie.

Antigamente a esfera celeste era o domínio dos deuses, com o aparecimento inesperado de um objecto desconhecido que dominava a noite era motivo de medo e misticismo, por isso os maias construíram observatórios dedicados a estudar os fenómenos, eles queriam entender seus movimentos imprevisíveis no céu especialmente depois de terem estabelecido as posições dos planetas e das estrelas.

O perigo eminente nos obrigaria a construir um nível de cooperação mundial, a estabelecer um sistema de comando e controle acima dos paises e uma estrutura de comunicação mundial, seria a única maneira pela qual os paises abririam mão de sua soberania a um pais como as nações unidas, dando origem a um governo mundial para o bem comum.

Seria um caminho para aprender a transcender a separação que é à base de nossa sociedade.


7° Profecia

A sétima profecia nos fala do momento em que o sistema solar, em seu giro cíclico, sai da noite para entrar no amanhecer da galáxia. Ela nos fala que nos 13 anos que vão desde 1999 até 2012, a luz emitida desde o centro da galáxia sincroniza todos os seres vivos e permite a eles concordar voluntariamente, com uma transformação interna, produzindo novas realidades e que todos os seres humanos têm a oportunidade de mudar e romper suas limitações através do pensamento.

Os seres humanos que voluntariamente encontrarem seu estado de paz interior, elevando sua energia vital, levando sua freqüência de vibração interior do medo para o amor poderão captar e se expressar através do pensamento e com ele florescerá o novo sentido.

A energia adicional do raio emitido por Runacku (centro da galáxia) activa o código genético de origem divina nos seres humanos que estejam em alta freqüência de vibração, este sentido ampliará a consciência de todos os seres humanos gerando uma nova realidade individual, colectiva e universal.

Uma das maiores transformações ocorrerá em nível planetário, por que todos os homens conectados entre si como um só todo, dará nascimento a um novo ser na ordem galáctica. A reintegração das consciências individuais de milhões de seres humanos despertará uma nova consciência, na qual todos entenderão que fazem parte de um mesmo organismo gigantesco.

A capacidade de ler o pensamento entro os humanos revolucionará totalmente a civilização, desaparecerão todos os limites, terminara a mentira para sempre porque ninguém poderá ocultar nada, começará uma época de transparência e de luz que não poderá ser ocultada por nenhuma violência ou emoção negativa.

Desaparecerão as leis e controles externos como a policia e o exercito porque cada ser se fará responsável por seus actos, não será preciso implementar nenhum direito ou dever pela força.

Será formado um governo mundial e harmónico com os seres mais sábios e evoluídos do planeta, não existirão fronteiras nem nacionalidades, terminarão os limites impostos pela propriedade privada e não será necessário dinheiro como maneira de intercâmbio, serão implementadas tecnologias para o controle da luz e da energia e com elas se transformará a matéria produzindo de maneira simples todo que for necessário dando um basta à pobreza para sempre. A excelência e o desenvolvimento espiritual serão o resultado de seres em harmonia que reduzam a actividade com o que vibram mais alto, ao agir assim eles expandirão sua compreensão sobre a ordem universal.

Com a comunicação através do pensamento haverá um supersistema imunológico que eliminará as baixas vibrações do medo produzidas pelas enfermidades, prolongando cada vida dos humanos, a nova era não precisará da aprendizagem inversa, produzida pelas doenças e sofrimento que caracterizaram os últimos milhares de anos da história.

Os serem humanos que consciente e voluntariamente encontrarem a paz interior entraram em uma nova época de aprendizagem procontraste harmônico, a comunicação e a reintegração farão com que as experiências e lembranças individuais e os conhecimentos adquiridos sejam disponíveis sem egoísmo para todos os outros, será como uma internet em nível mental que multiplicará exponencialmente a velocidade das descobertas e serão criadas sinergias nunca antes imaginadas, terminarão os julgamentos e os valores morais que mudam com o tempo, como a moda, entenderemos que todos os actos na vida são uma maneira de alcançar uma maior compreensão e harmonia.

O respeito será o elemento fundamental da cultura, transformará o individuo e a comunidade e dará a humanidade à oportunidade de expandir-se pela galáxia.

As manifestações artísticas, as ocupações estéticas e as actividades recreativas comunitárias ocuparão a mente do ser humano.

Milhares de anos fundamentados na separação entre os homens que adoraram um deus que julga e castiga irão se transformar para sempre. O seu humano viverá a primavera galáctica, o florescimento de uma nova realidade baseada na reintegração com o planeta e com todos os seres humanos.

Neste momento compreenderemos que somos parte de um único organismo gigantesco e iremos nos conectar com a terra, uns com os outros, com nosso sol e com a galáxia inteira. Todos os seres humanos entenderão que os reinos minerais, vegetais e animal e em toda a matéria espalhada pelo universo em todas as escalas, desde um átomo até uma galáxia são seres vivos com uma consciência evolutiva.

A partir do sábado 22 de dezembro de 2012, todas as relações serão baseadas na tolerância e na flexibilidade, porque o homem sentirá os outros seres como parte de si mesmos.




Do site: "Espaço Seraphis Bey"
http://espacoseraphisbey.multiply.com/photos/album/46/As_Sete_Profe...
tags: , , ,
publicado por luzdecuraeamor às 23:12
link | comentar | favorito
Sexta-feira, 6 de Novembro de 2009

AS PROFECIAS DO FINAL DO CICLO Mensagem de Yeshua através de Judith Coates Publicado em 06 de novembro de 2009

Amados, eu lhes falarei de algo que vocês estiveram contemplando de tempos em tempos. Isto surge em suas discussões e vocês imaginam: "Por que este Yeshua não fala de determinadas linhas do tempo e determinadas profecias? Por que este Yeshua não fala sobre algo mais complexo?"

Outras entidades lhes falarão de grandes federações, e elas existem. Outros lhes falarão de grandes planos para o futuro - algumas vezes sobre planos terríveis, algumas vezes sobre planos mais auspiciosos. Outros lhes falarão sobre o que vocês têm que estar alertas e o que poderá estar vindo, e eles lhes falam de inúmeras coisas porque vocês estão pedindo, vocês estão convidando, querendo saber de todos os dramas, de todas estas idéias.

É o mesmo que quando vocês assistem aos seus filmes, o mesmo quando vocês ligam a sua TV e sintonizam em determinados programas. Vocês querem conhecer histórias. E assim há muitas entidades, muitos canais que lhes trazem as histórias, de modo que vocês possam representar com elas, de modo que possam ficar entusiasmados de um modo ou de outros pelo que eles estão lhes dizendo.

E vocês imaginam: "Por que não há nenhuma profecia deste Yeshua?" Bem, eu tentei de tempos em tempos, e vocês reconheceram que o meu tempo não é o seu tempo. É porque, verdadeiramente, como nós falamos muitas vezes, vocês são os criadores de sua realidade, os criadores do que experienciam, e há sempre este pequeno aperfeiçoamento em que vocês se empenham de tempos em tempos.

Eu não vim para lhes dar histórias fantásticas. Eu sei que vocês as querem, eu sei que vocês as apreciam, e sei também que há muitas fontes que as darão a vocês. Eu lhes falo de tempos em tempos sobre conceitos para lhes mostrar que eles podem ser dicas para o que vocês verdadeiramente querem se lembrar. Mas as histórias e os conceitos são apenas isto. São histórias, são conceitos, e eles permanecem em sua mente. A mente representa com eles e se diverte muito.

Como vocês viram nesta realidade, vocês podem encontrar uma história, um conceito, e então virarem a página ou irem até outro website e encontrarem algo oposto a isto. E vocês imaginam: "Bem, esta é a verdade, ou aquela que é a verdadeira? Qual é? O que estará acontecendo? Eu desejo que alguém me diga. " Eu os ouvi dizendo isto.

Verdadeiramente, ninguém poderá lhes dizer, exceto vocês mesmos, exceto o que estão acreditando, no que estão trabalhando em relação ao seu próprio sistema de crenças quanto ao que querem e como percebem que será o futuro. Eu lhes disse muitas vezes que o seu assim chamado futuro está implicado em seu passado - quanto ao que vocês acreditam que foi o seu passado - e o que vocês usualmente fazem é estender o passado ao futuro.

Agora, se vocês tiveram um passado que acreditavam ter sido negativo, abusivo, árduo, um conflito - e todos vocês conheceram existências assim - então há uma propensão a olhar em relação ao futuro e dizer que o futuro será uma luta. Se vocês tiverem uma lembrança de amor, e de estarem em harmonia, ressonância com outros, então vocês tendem a trazer isto do seu passado e projetá-lo no futuro. Mas tudo isto é mental, subconsciente, embora ele possa estar, neste ponto.

O que eu lhes falo é do coração. Isto é porque eu lhes chamo de Família do Coração, porque vocês são do Coração. Vocês brincam com a mente. Vocês se divertem com a mente. A mente lhes dará todos os tipos de coisas com as quais jogar. Mas, verdadeiramente, a mente é a serva do coração, e quando vocês se lembrarem de viver no coração, no espaço do amor, no espaço que não têm que compreender mentalmente o que é o amor, mas o conhece, o sente, e viverem em paz, então a mente tomará providências, permitindo-lhes manifestar a paz e o amor, a harmonia e a confiança.

Sigam primeiro com o coração. Vão até o espaço do Observador com Amor. Então permitam que a mente realize o que for melhor para o propósito da alma e o propósito do coração.. Brinquem com a mente tanto quanto quiserem. Vocês a criaram, de modo que possam brincar com ela, do mesmo modo com que brincariam com qualquer um dos enigmas que vocês fazem para si mesmos ou com os jogos que vocês criam. Brinquem com ela se quiserem, mas, lembrem-se sempre que tudo vem do espaço do coração. É onde está o seu poder.

Agora, dentro dos conceitos mentais estão verdades, e há um conceito que está sendo amplamente aceito entre aqueles em seu arranjo de sistemas de crenças compartilhados, que diz que o ano de 2012 será um ano significativo, e vocês deveriam se preparar agora, enquanto ainda têm tempo, antes que 2012 chegue aqui.

E vocês estiveram imaginando: "O que mais eu posso fazer? Como eu posso me preparar quando nem mesmo sei por onde começar?" Assim vocês têm muita ginástica mental em relação ao ano de 2012.

Agora, há um filamento de verdade que passa por esta profecia, porque o ano de 2012 será um ano vantajoso, mas não será o final de tudo. Ele será parte do processo em que vocês já estão, e haverá um período além do ano de 2012, que vocês chamam de outras cinco décadas após este, de um "conhecimento" que está sendo construído: a lembrança de sua própria divindade, de seu próprio poder, de onde vocês vieram e por que vieram.

Tudo isto esteve no processo, e o ano de 2012 será um ano favorável, porque muitos que estão neste arranjo do sistema de crenças o estarão esperando, e isto que vocês esperam tem poder, o poder de se manifestar.

Ele não será cataclísmico ao ponto onde seja o final de nossa sagrada Mãe Terra. Ele não será o final desta realidade. Ele será um processo evolutivo que avançará e se estenderá por um bom período de tempo, enquanto ele se desenvolve e evolui em si mesmo.

Vocês já colocaram os blocos da estrutura no lugar, e continuarão a construção. O que verão é uma consciência em evolução, porque vocês oraram por isto, vocês pediram isto, vocês estiveram se preparando para isto. Haverá uma consciência evoluindo com os amigos e cooperadores, e com aqueles que nem mesmo usam a terminologia que vocês usam, do seu propósito. Muitos imaginaram e estão imaginando por que eles estão aqui. Eles também imaginam por que eles lutam. Eles imaginam: "Eu estou aqui por um breve período de tempo, e isto é tudo o que há? Há apenas uma existência?" , como é tão freqüentemente colocado em suas formas de pensamento religioso e filosófico: que há apenas uma existência e que não pode haver a reencarnação, a re-criação das realidades.

Assim eles ficam questionando: "Como eu tiro o maior proveito desta existência?" Apresentar-lhes uma idéia de que talvez a vida seja contínua é um pequeno passo evolutivo para eles, e, entretanto, eles estão pedindo para saber disto. E vocês estão chegando ao seu próprio poder de se lembrarem que vocês estiveram aqui muitas, muitas vezes e que vocês têm sempre a escolha de ou retornarem a esta realidade ou em qualquer outra realidade na sagrada Mãe Terra, ou seguirem para outra constelação ou galáxia para se aventurarem em outras formas e outros modos.

Quando vocês se lembrarem que têm uma escolha, começarão a sentir no coração, a expansão da divindade que vocês são. Após o período de tempo que vocês chamam de 2012, haverá uma progressão dos desafios para a humanidade, mas haverá também uma progressão da compreensão de que os desafios não são tão negativos, pois eles são dádivas.

Será um processo que se construirá exponencialmente em si mesmo, muito semelhante à semente que se abre e surge através do solo, e então a planta crescerá e oferecerá uma folha e então outra folha e então uma flor, e em seguida, o fruto.

Vocês fazem parte disto, porque vocês estão contribuindo com a sua energia para ele. Vocês compreenderão o que está acontecendo a um nível muito profundo, e, ao mesmo tempo, estarão tomando parte do que parece estar ao nível do mundo, mas de uma perspectiva diferente.

Vocês têm esta existência humana, de modo que pudessem fazer parte de um despertar. Há um ciclo, um ciclo evolutivo de um espaço em que se lembram de sua divindade, que sabem que estão criando, em espaço onde se identificam com aquilo que está sendo criado e identificam esta criação, um espaço onde se esquecem, temporariamente,que estão fazendo a criação, e então há o processo onde vocês estão agora: do despertar ao compreenderem: "Eu sou aquele que está criando", e então a compreensão que: "Se eu estou criando, eu posso mudar aquilo que eu vejo acontecendo."

E como vocês mudam isto? Vocês o mudam ao mudarem a sua percepção. Vocês têm o poder a qualquer momento de mudarem a sua percepção do que está acontecendo. Ninguém mais pode mudar a sua percepção, exceto vocês. Vocês têm grande poder, porque vocês podem mudá-lo. Ninguém pode tirar isto de vocês. Vocês são aqueles que mantêm o poder de percepção e de crença, e isto é por que, quando chegarem ao ano de 2012, haverá uma reunião, uma celebração se quiserem, que vocês já estão planejando a um nível profundo.

O ano de 2012 será um ano vantajoso, mas não será o final de tudo. Ele será parte do processo contínuo da evolução do despertar. O próprio ciclo se estenderá após esta data.

Cada conceito que lhes é dado, cada profecia, cada mensagem, mantém um filamento de verdade com ela. Depende de como vocês percebem esta verdade. E eu estou lhes dizendo: "Por que vocês não gostariam de percebê-la como conveniente? Vocês já criaram o sofrimento. Vocês estiveram ali, criaram isto. Eu estive lá, criei um pouco disto, terminei isto, completei.... - como vocês podem ser e como vocês são: completos.

Tenham grandes sonhos. Prossigam com isto. Permitam que o sonho no coração seja grande, e então permitam que a mente imagine como criá-lo no mundo. Não se preocupem com todos os pequenos detalhes. A mente cuidará disto. A mente considerará todos os detalhes, como um cão considera o osso. A mente estará muito ocupada, enquanto ela surge com as sugestões quanto a como criar o grande sonho do coração.

Reservem um momento agora. Tomem uma respiração profunda e se perguntem: "Qual é o meu sonho? Se eu pudesse ter, se eu pudesse criar, se eu pudesse ser qualquer coisa que eu quisesse ser, ou fazer, ou ter, o que seria? O que eu faria? Quem eu seria? Como eu seria? Qual é o meu sonho?"

Permitam que este sentimento permaneça com vocês. Nesta noite quando colocarem a cabeça sobre o travesseiro, retornem a este sentimento de "O que eu quero em minha vida? Como eu quero que ela seja? Como eu quero ser em minha vida? Qual é o meu maior desejo?" Então vivam a partir deste espaço, como se ele pudesse ser verdadeiro, porque ele pode. Vocês são aqueles que podem fazer com que isto aconteça.

A energia de outras pessoas com as quais vocês querem se unir estará lá, também: "Eu o sei. Eu o sinto. Eu compartilho o meu sonho, a minha idéia com esta outra pessoa. Eu a compartilho comigo mesmo, com todos os meus aspectos. E eu me sinto tão enaltecida, tão entusiasmada que não posso esperar para falar sobre isto com esta pessoa." Vocês se unem e estão extremamente positivos em relação ao que possa ser, o que vocês podem unir, e vocês vivem em um espaço de possibilidades, de possibilidades ilimitadas, e isto parece muito bom. E a razão porque parece tão bom é porque é verdadeiro.

Vocês não são limitados. Quando vocês entram no espaço do entusiasmo e estão conversando com outro sobre o que querem verdadeiramente fazer, e eles dizem: "Sim, você pode fazer isto. Eu me unirei a você. Vamos fazer isto e isto", vocês são elevados fora das preocupações e conflitos do mundo, e vivem em um espaço divino. Isto lhes dá o sentimento de que podem fazer qualquer coisa.

Muitos de vocês têm se sentido presos. Vocês sentiram que tinham que fazer tal e tal, porque é isto que o mundo esperava que vocês fizessem. Vocês tinham que ganhar as moedas de ouro. Vocês tinham que permanecer em uma determinada ocupação. Vocês tinham que vir aqui, ir lá.Vocês estão sempre pensando em algo que vocês têm que fazer e alcançam o sentimento que ressoa no corpo, freqüentemente é exatamente no plexo solar, e vocês sentem que poderiam desistir disto. Por que vocês sentem, talvez, náusea neste ponto? É porque vocês querem verdadeiramente, expulsar isto e se livrarem disto, e algumas vezes vocês fazem isto fisicamente.

Mas quando estão vivendo no espaço do entusiasmo, de planejarem possibilidades ilimitadas do que podem fazer e como podem criá-las e dizem: "Sim, eu posso fazer isto", vocês dizem "Sim" ao seu poder divino, e tudo tem que cair no lugar, ainda que o ego separado questione cada decisão.

Agora vocês precisam - há uma advertência aqui - vocês precisam observar contra o que vocês poderiam estar se rebelando e compreenderem os problemas do por que talvez vocês não se sintam exatamente felizes onde estão e por que poderiam querer mudar tudo isto.

Talvez haja problemas que precisem ser observados e vistos com nova perspectiva: serem vistos na divindade, serem vistos como abençoados, de modo que vocês não tenham que expulsar tudo isto, mas possam mudar algumas partes disto. E vocês podem mudar como o encaram. E então, algumas vezes, vocês façam uma mudança física.

Quando vivem no espaço do entusiasmo, vocês podem invocar todos os seus anjos, todos os seus guias, todos os invisíveis que estão sempre ao seu redor - mas vocês nem sempre os ouvem porque estão muito concentrados no que está errado ou no que poderia estar errado ou em qualquer problema que poderia surgir - quando vocês estão neste espaço de motivação, vocês têm uma abertura de energia. Vocês estão abertos para receber ajuda, auxílio dos reinos mais elevados. E então o que vocês estão planejando fazer, lhes é dado mais ímpeto para avançarem.

Agora, eu lhes disse muitas vezes que vocês não fazem nada sozinhos. Vocês podem pensar que têm que tomar todas as decisões, sozinhos. Vocês podem pensar que estão fazendo tudo sozinhos e que é um "peso" verdadeiro ter que decidir algo. Mas, verdadeiramente, vocês não fazem nada sozinhos. Seus guias, anjos e professores estão sempre trabalhando com vocês. Os mestres sábios com quem vocês viveram na presença de nossa sagrada Mãe, a Terra, na forma física em outras existências, estão aí para serem invocados, como algumas vezes vocês passaram no intervalo entre as existências, como o seu anjo ou o seu guia.

Compartilhem o seu sonho, o seu maior sonho, com outros que vocês sabem que estarão em um espaço receptivo, sustentador. Compartilhem com outros que digam: "Sim, eu acredito nisto por você. Eu sei que isto é verdade. Eu sei que você pode fazer isto. " Compartilhem este sentimento de poder, e saibam que verdadeiramente a qualquer momento que queiram invocar este poder, ele estará aí dentro de vocês.

É o que eu falei com o Coração, com a simplicidade do Coração, vocês não têm que se preocupar com todos os detalhes. Vocês permitem que a mente brinque com os detalhes, mas vivam no coração, neste espaço de grande poder, neste espaço de expansão. Então o ego separado se precipitará e dirá: "Mas, mestre, que tal...? Bem, mestre, e se...? Como podemos fazer isto? Eles dizem que eu não posso fazer isto. Eu estou muito velho para fazer isto."

Bem, vocês nunca estão muito velhos contanto que atraiam a respiração. Vocês nunca estão muito velhos, ainda que o corpo chegue a um espaço onde ele não se mova com a flexibilidade que vocês costumavam conhecer, ainda que o corpo tenha que estar em uma posição propensa e não se mova, ainda que o corpo esteja em uma de suas cadeiras de rodas e não se mova, exceto que outra pessoa, talvez, o ajude.

Contanto que vocês atraiam a respiração, vocês têm o poder de viver neste estado expandido de entusiasmo quanto a manifestar o seu sonho. Assim, vejam, vocês não têm desculpas. Contanto que vocês atraiam a respiração, vocês estão vivos, e contanto que estejam vivendo nesta encarnação, vocês podem fazer qualquer coisa. Vocês têm um exemplo disto agora vivendo, aquele que é conhecido como Steven Hawkings, que não se movimenta como o restante de vocês, mas tem uma grande mente e está muito vivo. E porque ele não tem que se preocupar com o corpo - ele está livre em sua mente para ir a qualquer lugar e imaginar, pensar, conceber idéias que o restante de vocês que são capazes de ir fisicamente a todos os lugares, não têm tempo.

Assim, contanto que atraiam a respiração, vocês estão em um espaço de possibilidades ilimitadas. Não deixem que ninguém lhes diga qual é a sua verdade. O outro pode lhes dizer qual é a verdade dele, a percepção dele, a perspectiva dele, mas não tem que ser a sua, e muitas vezes ela não é a sua. Não deixem que ninguém lhes diga qual tem que ser a sua verdade, porque vocês são o criador de sua verdade, momento a momento. Assim vocês podem fazer de sua vida aquilo que queiram que ela seja, como vocês queiram que ela seja.

Vocês estão se aproximando do término de um ciclo de energia, aonde vieram conhecer a divindade na mais densa das densidades, e então chegaram a um espaço onde havia um questionamento, um indício de que talvez houvesse mais do que apenas o que vocês denominaram como a Era da Escuridão. Talvez houvesse mais do que apenas a existência. Talvez - e vocês começaram a questionar.

Vocês estão agora no impulso ascendente, encerrando o que eu chamei de apogeu, o ápice do ciclo. Muitos de vocês sentirão a energia se expandindo e a consciência da divindade e do despertar. Vocês o sentirão dentro do coração e saberão ser verdadeiro, ainda que outros o questionem.

O final do ciclo está se aproximando. Ele não está aqui ainda, porque vocês não declararam que o querem agora. Vocês querem passar por um processo. Vocês concordaram com o processo do tempo. Assim, portanto, vocês celebrarão o ano de 2012 e celebrarão o ano de 2013, 2014 e 2015, até que cheguem a um determinado espaço onde haja um término de um ciclo para muitos; não para todos, porque há alguns que ainda têm um sentimento de que há mais a experienciar no plano humano, há mais drama que eles querem experienciar, assim eles permanecerão nesta realidade. Mas vocês não.

Vocês terão terminado o ciclo, e então estarão olhando ao redor para verem: "Agora com o que eu posso jogar, onde poderei ir, o que eu poderei criar?", porque o Um criativo - "UM" com letra maiúscula - se expressa em inúmeras formas, lugares e realidades, e o UM criativo está sempre criando e se expandindo e se expandirá eternamente, além do próprio tempo, experienciando-se e se expressando de novos modos. É disto que se trata a criação. Ela está surgindo com novas idéias. Ela está surgindo com novas criações e algumas vezes, ela atrai aquelas criações para o espaço onde haja novamente o ciclo da densidade e do despertar.

Vocês estão muito próximos do final do ciclo, deste ciclo. Celebrem, tenham sonhos e compartilhem com outros o entusiasmo das possibilidades.

Acreditem, confiem, sonhem e saibam que vocês são sempre o divino e sagrado Um.

Tradução: Regina Drumond - reginamadrumond@yahoo.com.br

Direitos Autorais 2007 - Oakbridge University. O material de Oakbridge é protegido por direitos autorais, mas livre para qualquer pessoa que queira usá-lo, contanto que os créditos apropriados sejam listados, incluindo o nosso web site:
www.oakbridge.org.

Fonte:
http://www.luzdegaia.org/joshua/judith/final_ciclo.htm

publicado por luzdecuraeamor às 22:17
link | comentar | favorito
Sábado, 29 de Novembro de 2008

As Sete Profecias Maias

Os Maias deixaram para nós, os habitantes do planeta terra de hoje, uma mensagem escrita em pedra que contém 7 profecias.

Uma parte de alerta e outra de esperança.

A mensagem de alerta profetiza o que vai acontecer nesses tempos em que vivemos. A de esperança fala sobre as mudanças que devemos efectuar para impulsionarmos a humanidade para uma nova era, a era da mulher, a era das mães, da sensibilidade.

Todos nós de uma maneira ou de outra sentimos que estamos começando a viver os tempos do apocalipse. Todos sentimos a guerra, guerra pelo petróleo, guerra pela paz.

A cada dia há mais erupções vulcânicas, a poluição gerada por nossa tecnologia chegou a índices alarmantes, estamos enfraquecendo a camada de ozónio que nos protege das radiações do sol. Estamos contaminando o planeta com nossos dejectos industriais e nosso lixo. A devastação dos recursos naturais está acabando com nossas fontes de água e com o oxigénio que respiramos.

O clima mudou e as temperaturas aumentaram de maneira impressionante, geleiras e campos nevados estão derretendo, grandes inundações se sucedem em todo o mundo, enormes tornados puseram em perigo a Florida e gigantescos furacões devastaram toda a América central.

O caos informático nos ameaça, a pobreza generalizada pelos efeitos do caos económico é sentido por quase todos os países do mundo. Todos nós procuramos respostas e um caminho seguro para os tempos em que vivemos. E reconhecemos a partir dos problemas que enfrentamos diariamente que não vivemos em harmonia.

Muitas religiões elaboraram profecias a respeito do que está acontecendo. A bíblia anunciou que quando todos esses fatos acontecessem ao mesmo tempo estariam chegando os tempos do apocalipse.

Os Maias sabiam que isso ia acontecer exactamente nesses tempos, por isso, deixaram orientações para que nós, de maneira individuais, contribuamos para levar a humanidade para o amanhecer da galáxia, para uma nova era, onde não haverá mais caos nem destruição.

Eles nos deixaram 7 profecias em que falam de suas visões do futuro e do nosso presente. Estão baseadas nas conclusões de seus estudos científicos e religiosos sobre o funcionamento do universo.

A primeira profecia fala sobre o final do medo. Diz que o nosso mundo de ódio e materialismo terminará no sábado 22 de Dezembro do ano 2012. Neste dia a humanidade devera escolher entre desaparecer do planeta como espécie pensante que ameaça destruir o planeta ou evoluir para a integração harmónica com todo o universo. Compreendendo que tudo está vivo e consciente, que somos parte desse todo e que podemos existir em uma era de luz.

A 1ª profecia Maia diz que a partir de 1999 resta-nos 13 anos, só 13 anos para realizarmos as mudanças de consciência e atitude de que eles nos falam, para que possamos nos desviar do caminha da destruição pelo qual avançamos para um outro que abra nossa consciências e a nossa mente para nossa integração com tudo o que existe. Os Maias sabiam que o nosso sol, eles o chamavam de " Kinich-Ahau" , é um ser vivo que respira e que a cada certo tempo se sincroniza com o enorme organismo que existe, que ao receber uma manifestação de luz do centro da galáxia brilha mais intensamente produzindo em sua superfície o que nossos cientistas chamam de erupções solares e mudanças magnéticas.
 

Eles dizem que isso acontece a cada 5.125 anos. Que a terra se vê afectada pelas mudanças do sol mediante o deslocamento do seu eixo de rotação. Previram que a partir desse movimento haveria grandes desastres.
 

Para os Maias o processo universal, como a respiração da galáxia, é cíclico e nunca mudam. O que muda é a consciência do homem, que passa através deles num processo sempre em direcção a mais perfeição. Com base em sua observações os Maias previram que a partir da data inicial de sua civilização, desde o 4° Ahua, 8° Cumku, isso é 3.113 a.C., 5.125 anos no futuro ou seja, sábado 22 de Dezembro de 2012 o sol ao receber um forte raio sincronizador proveniente do centro da galáxia, mudará sua polaridade e produzirá uma gigantesca labareda radiante.
 

Para este dia a humanidade deve estar preparada para atravessar a porta que os Maias nos deixaram. Quando a civilização actual, baseada no medo, passará para uma vibração muito mais alta de harmonia.
Só de maneira individual podemos atravessar a porta que permite evitar o grande desastre que o planeta vai sofrer para dar início a uma nova era, um sexto ciclo do sol.
 

Os Maias asseguravam que a sua civilização era a 5ª iluminada pelo sol ( Kinich-Ahau), o 5° grande ciclo solar. Que antes haviam existido outras 4 civilizações que foram destruídas por grandes desastres naturais. Achavam que cada civilização é apenas um degrau para ascensão da consciência colectiva da humanidade. Para os Maias no último desastre a civilização teria sido destruída por uma grande inundação, que deixou apenas alguns sobreviventes dos quais eles eram seus descendentes. Pensavam que ao conhecer o final desses ciclos, muitos humanos se preparariam para o que vinha e que graças a isso haviam conseguido conservar sobre o planeta a espécie pensante, o seu humano.
 

Eles nos dizem que a mudanças dos tempos permite subir um degrau na evolução da consciência, podemos nos dirigir a uma nova civilização que manifestará maior harmonia e compreensão para todos os seres humanos.
 

A 1 ª profecia Maia nos fala do "tempo do não-tempo", um período de 20 anos chamado "Katún" . Os últimos 20 anos desse grande ciclo de 5.125 anos, quer dizer que desde 1992 até 2012. Profetizaram que neste tempo manchas do vento solar cada vez mais intensas apareceriam no sol, que desde 1992 a humanidade entrará num ultimo período de grandes aprendizagens, de grandes mudanças, que nossa própria conduta de depredação e contaminação do planeta contribuiriam para essas que mudanças acontecerem.
 

Essa profecia diz que essas mudanças irão acontecer para que possamos entender como funciona o universo e para que avancemos n níveis superiores deixando para trás a materialismo e nos livrando do sofrimento.
O livro sagrado Maia CHILAM BALAM diz que no 13° Ahau no final do último Katún ( 2012) o Itza será arrastado e rodará Tanka ( ...as civilizações... cidades serão destruídas) haverá um tempo em que estarão sumidos na escuridão e depois virão trazendo sinal futuro Os Homens do Sol, a terra despertará pelo norte e pelo poente, o Itza despertará.
 

A 1 ª profecia anunciou que 7 anos depois do início do 1° katún, ou seja 1999, começaria uma época de escuridão que todos nós enfrentaríamos com nossa própria conduta, disseram que as palavras de seus sacerdotes seriam escutadas por todos nós como orientação para o despertar. Eles falam dessa época como o tempo em que a humanidade entrará no grande salão dos espelhos, uma época de mudanças para que o homem enfrente a si mesmo para fazer com que ele entre no grande salão dos espelhos, para que ele veja e análise seu comportamento com ele mesmo, com os demais, com a natureza e com o planeta onde vive.
 

Uma época para que toda a humanidade por decisão consciente de cada um de nós decida mudar e eliminar o medo e a falta de respeito de todas nossas relações.

A 2ª profecia anunciou que o comportamento de toda a humanidade mudaria rapidamente a partir do eclipse solar de 11 de Agosto de 1999. Naquele dia vimos como um anel de fogo que se recortava contra o céu, foi um eclipse sem precedentes na história pelo alinhamento em crus cósmica com o centro da terra de quase todos os planetas do sistema solar. Eles se posicionaram nos 4 signos do zodíaco que são os signos dos 4 evangelistas, os 4 guardas do trono que protagonizam o apocalipse segundo São João. Além disso, a sombra que a lua projectou sobre a terra atravessou a Europa, passando por Corsovo, depois pelo Oriente Médio , Irã, Iraque e posteriormente dirigindo-se ao Paquistão e a Índia . Com a sua sombra ela parecia prever uma área de conflitos e guerras.

Os Maias sustentavam que a partir desse eclipse, o homem perderia facilmente o controle ou então alcançaria sua paz interior e tolerância evitando os conflitos, então viveremos uma época de mudanças, que é a ante-sala de uma nova era, a noite fica mais escura antes do amanhecer.

O fim dos tempos é uma época de conflitos e de grande aprendizagem, de guerras, separação, loucura que vai gerar por sua vez processos de sofrimento, destruição e evolução.

A segunda profecia indica que a energia que se recebe do centro da galáxia aumentará e acelerará a vibração em todo o universo para conduzir a uma maior perfeição. Isso produzirá mudanças físicas no sol e mudanças psicológicas no ser humano que mudará sua forma de pensar e de sentir. Serão transformadas as formas de relacionamento e de comunicação, os sistemas económico-sociais de ordem e justiça, serão mudados as convicções religiosas e os valores que aceitamos hoje. O ser humano irá defrontar-se com seus medos e angustias para solucioná-los e assim poderá sincronizar-se com o ritmo do planeta e do universo.

A humanidade irá se concentrar no seu lado negativo e poderá ver claramente as coisas ruins que estão fazendo, esse é o primeiro passo para mudar de atitude e conseguir a unidade que permite o surgimento de consciência colectiva. Serão incrementados os acontecimentos que nos separam mas também os que nos unem, criando uma instabilidade emocional, o medo, a agressão, o ódio, as famílias em dissolução, os enfrentamentos por ideologia, religião, modelos de moralidade e nacionalismo. Simultaneamente mais pessoas encontrarão a paz interior, aprenderão a controlar suas emoções, haverá mais respeito, serão mais tolerantes e compreensivas, encontrarão o amor e a unidade. Surgirão homens com altíssimos níveis de energia interna, pessoas com sensibilidade e poderes intuitivos para a salvação. Mas também surgirão farsantes que pretenderão obter lucro económico as custas do desespero alheio.

Os Maias previram que a partir de 1999 começaria a era do "tempo do não-tempo", uma etapa de mudanças rápidas necessária para renovar os processos geológicos, sociais e humanos. Ao final do ciclo cada um seria seu próprio juiz, será quando o seu humano entrará no grande salão dos espelhos para analisar tudo o que fez na vida. Ele será classificado pelas qualidades que tenho conseguido desenvolver na vida, sua maneira de agir dia após dia, seu comportamento com o semelhante e com o planeta.

Todos irão se posicional segundo o que sejam, os que conservam a harmonia entenderão o que aconteceu como um processos de evolução no universo. Por outro lado, haverá outros que por ambição ou frustração culpará os outros ou a Deus pelo que acontecerá.

Serão geradas situações de destruição, morte e sofrimento. Mas elas também darão lugar ao mesmo tempo a circunstancias de solidariedade e respeito pelo semelhante, de unidade com o planeta e com o cosmos. Isso significa que o céu e o inferno estarão se manifestando ao mesmo tempo e cada ser humano viverá em um ou em outro dependendo de seu próprio comportamento. No céu com a sabedoria para transcender o que acontecerá. No inferno para aprender com a dor e com o sofrimento. Duas forças inseparáveis, uma que entende que tudo no universo evolui para a perfeição, que tudo muda, outra envolta em um plano de materialismo que só alimenta o egoísmo. Na época da mudança dos tempos, todas a opções estarão disponíveis e praticamente sem censura de nenhum tipo e os valores morais serão mais frouxos que nunca para que cada um se manifeste livremente como é.

A 2 profecia afirma que se a maioria da população muda seu comportamento e se sincroniza com o planeta serão neutralizadas as mudanças drásticas que serão descritas nas seguintes profecias. Devemos estar conscientes de que o ser humano sempre decide seu próprio destino especialmente nesta época, as profecias são apenas advertências para que tomemos consciência da necessidade de mudanças de rumo para evitar que isso se torne realidade.

A 3 profecia diz que uma onda de calor aumentará a temperatura do planeta provocando mudanças climáticas, geológicas e sociais de magnitudes sem precedentes e a uma velocidade assombrosa.

Os Maias disseram que esse aquecimento se dará por vários factores. Alguns deles pelo ser humano que por sua falta de sincronismo com a natureza só poderá produzir processos de auto-destruição. Outros factores serão gerados pelo sol, que ao acelerar sua actividade pelo aumento da sua vibração, produzindo mais irradiação aumentando a temperatura do planeta.

Cada um de nos, de uma forma ou de outra, ajudamos a desflorestar o planeta ou a contaminá-lo. Com nossos automóveis, jogando lixo na ruas ou parques públicos, contribuímos para que o clima do planeta volte-se contra nós. As mudanças já estão acontecendo, mas como estão acontecendo muito lentamente nos adaptamos a elas e nem as percebemos.

O processo global de industrialização que teve lugar no século XX mudou dramaticamente a atmosfera com suas emissões de gases tóxicos. A chamada chuva ácida, um subproduto da queima de carvão ou derivados de petróleo e emissões de sulfetos e óxidos de nitrogénio das industrias tem lugar no mundo todo e concentra-se nas áreas urbanas, corroem os monumentos e pontes, a destrói a pintura externa, os bosques, causa damos à vida marinha e aos solos cultivados, transforma a água potável em tóxica e reduz a visibilidade. As chaminés contaminantes de milhões de fabricas indiferentes ao dano que causam, modificaram as temporadas de chuvas, as estações e o clima.

Em milhões de lugares no planeta ainda se cozinha à lenha, criando fogueiras que emitem grandes quantidades de fumaça, cinzas, vapor d'água e gás carbônico (CO²).

Tudo isso deu lugar ao aparecimento do efeito estufa, pois a concentração de CO2 que ficam flutuando na atmosfera e reagem quimicamente com dióxidos aumentando a temperatura. O ar que respiramos está cheio de partículas de monóxido de carbono (CO), dióxido de nitrogênio (NO2) e metano (CO3) produto resultante da combustão da gasolina no motor de milhões de automóveis e de milhares de usinas térmicas e de geração de electricidade.

A depredação de selvas parra terras de cultivos ou para ampliar as cidades tornou-se uma prática comum. Os bosques que purificam o ar ao transformar gás carbónico em oxigénio, são incendiados. O ser humano não é consciente do mal que está causando ao planeta, nem que é preciso plantar para repor a vegetação que consome. O planeta transformou-se em um grande depósito de lixo. Enviamos contêineres com resíduos radioactivos para o fundo do mar, carregamos navios inteiros com substancias não-degradáveis.
 

As variações climáticas, consequência das relações danosas do ser humano e das mudanças do comportamento do sol, produzem uma alteração das chuvas, diminuem sua intensidade, quantidade e regularidade. O aumento da temperatura produzirá fortes ventos, furacões e tufões.
Os furacões são tormentas gigantescas e violentas, um redemoinho de destruição e morte. São chamados de FURACÃO em homenagem ao deus do mau dos aborígines do Caribe. O furacão Mithi e os fenómenos associados ao El-niño são evidencias da tendência para grandes desastres causados pelo clima.
O sistema hídrico é fundamental pois cerca de 70% da superfície do planeta está coberta por água. Com o aumento da temperatura, diminui a humidade relativa do ar que trará como consequência menos nuvens e maior exposição ao sol, agravando assim o problema, assim será evaporada a água dos solos, produzindo muitas secas e grandes incêndios em todo o planeta, a falta d'água produzirá graves inconvenientes à vegetação, reduzindo seu crescimento e diminuindo consideravelmente o tamanho das colheitas. Ao reduzir-se a quantidade de água das chuvas, diminuirá também o fluxo dos açudes e lagos, criando sérios problemas à fauna da terra.
 

Tudo isso causará um forte impacto na economia, haverá reabastecimento e muitos produtos que dependem do clima como a água, as folhagens, os cereais, os pescados e a geração de energia eléctrica terão aumentos vertiginosos de preço, serão épocas de racionamento de electricidade, de fome e descontentamento social, aumentará o numero de pragas, insectos e doenças tropicais como a malária.
 

O comportamento do ser humano será crucial para suportar o aumento geral da temperatura causada pela sua própria conduta inconsciente e depredatória.

A 4ª profecia Maia diz que o aquecimento do planeta, causado pela conduta antieconómica do ser humano e por uma maior actividade do sol, causará o derretimento do gelo dos pólos. Se o sol aumentar seus níveis de actividade acima do normal haverá uma maior produção de ventos solares, mais erupções maciças desde a coroa do sol, um aumento na irradiação e um incremento na temperatura do planeta.

 

Os Maias se basearam no giro de 584 dias do planeta Vénus para efectuar seus cálculos solares. Vénus é um planeta facilmente visto no céu, pois sua órbita está entre a terra e o sol.

 

Eles deixaram registrado em seu "dresden codex" que a cada 117 giros de Vénus marcado a cada vez que o planeta aparece no mesmo ponto no céu, o sol sofre fortes alterações e aparece grandes manchas ou erupções do vento solar, advertiram q a cada 1.872.000 kines, ou seja, 5.125 anos são produzidos alterações ainda maiores e que quando isto ocorrer o ser humano dever estar alerta, é o presságio de destruição e mudanças.

 

No "Códicedrede" também figura o numero 1.366.560 kines que tem a diferença de 1 katun (20 anos) como um numero que aparece no Templo da Cruz.

 

No Tempo da Cruz, em Palenque está entalhado o numero 1.359.540 kines, a diferença que ele tem anotado no "Códicedresden"é de 20 anos ou 1 katun, é um período de tempo que eles chamavam de "Tempo do não-tempo" e é o que estamos vivendo desde 1992. As mudanças da actividade do sol serão maiores posto que as protecções que temos em todo o planeta estão ficando mais fracas.

 

O escudo electromagnético que temos que nos protege está diminuindo em sua intensidade. A produção de ozónio na ionosfera que impedia a chegada dos raios ultravioletas a terra diminuiu e já apareceram alguns buracos enormes sobre os pólos permitindo a chegada dos raios do sol à superfície do planeta.

 

A actividade do ser humano está alterando a composição da atmosfera. O chamado "efeito estufa" que impede a saída do calor e aumenta a temperatura. Todos os fenómenos ao ocorrer simultaneamente produzirão modificações no clima e um aumento da temperatura nos mares e derreterá mais rapidamente o gelo nas calotas polares. Isso causará aumento do nível dos mares produzindo inundações nas terras costeiras, modificação morfológica dos continentes onde vivemos.

 

Os Maias previram que esta seria a forma como o planeta s limparia e teria muitas áreas verdes por todas as partes, o aumento da temperatura já começou, relatórios científicos de diversas fontes confirmam, estudos realizados oea Universidade de Colorado concluem que as geleiras e picos nevados de todo o mundo estão diminuindo seu volume notavelmente, como resultado do aumento geral da temperatura do planeta.

 

O maior pico nevado na áfrica, o monte Kenia, perdeu 92% de seu massa, os picos nevados do monte Quili-manjar sofreram redução de 73%, na Espanha e, 1980 havia 27 picos nevados, esse número foi reduzido para 13. Nos Alpes europeus e no Cáucaso na Rússia diminuíram 50%.

Na Nova Zelândia e nos montes entre a Rússia e na China houve redução de 26%, os cálculos preliminares dos estudos dizem que se as mudanças continuaram no mesmo rítimo em 50 anos não haverá picos nevados em nenhuma parte do mundo.

 

Na Antárctida a situação é ainda mais grave, o pico está se derretendo a partir do centro e não a partir das bordas. É sabido que quando um lago gelado começa a derreter ele sempre o faz a partir de seu centro. A temperatura na Antárctida aumentou 2,5°C nos últimos 25 anos e está aparecendo vegetação em locais onde antes não havia nada mais do que gelo.

 

Mais de 50% da população mundial vive perto do mar, por isso milhões de pessoas serão afectadas e deslocadas de seus lares. 1998 estabeleceu recordes de altas temperaturas, que ficaram dentre as mais altas dos últimos 600 anos. No entanto um aumento da temperatura como este que vem ocorrendo não muda rapidamente os níveis de água em todo o planeta, será um processo que levará vários anos.

A única coisa que poderia mudá-los seria uma mudança súbita na posição da crosta terrestre sobre seu núcleo central. Isso já ocorreu varias vezes no planeta ao mudar a posição dos pólos.

Sabemos que muitas coisas que não queremos que aconteçam e que causam grandes tragédias, acabam acontecendo.

 

Devemos nos concentrar em produzir resultados positivos de nossas acções e ao mesmo tempo crescer com as dificuldades que encontramos. Devemos assumir a vida e tomar as decisões de maneira consciente, devemos abrir os olhos às possibilidades que possam nos trazer e mundo em que todos culpam os outros pelo que acontece.

 

Todas as profecias procuram uma mudança na mente humana, pois o universo está gerando todos esses processos para que a humanidade se expanda pela galáxia compreendendo sua integridade fundamental com tudo que existe.

A 5ª profecia diz que todos os sistemas baseados no medo sob as quais está fundamentada a nossa civilização se transformarão simultaneamente com o planeta e com o ser humano, dando lugar a uma nova realidade de harmonia.

O seu humano está convencido de que o universo existe so para ele, que a humanidade é única expressão de vida inteligente e por isso age como depredadora de tudo que existe.

Os sistemas falharão para que o seu humano enfrente-se a si mesmo para que ele veja a necessidade de reorganizar a sociedade e continuar no caminho da evolução que nos levará a entender a criação.

Neste momento, praticamente todas a economias do mundo estão em crise, e foi desencadeada uma onda especulativa em todas as partes.

Em apenas 1 dia, 1 trilhão de dólares muda de mãos nos mercados financeiros internacionais. 15% de queda nos mercados fazem desaparecer o equivalente a uma riqueza anula de todas as fabricas dos E.U.ª juntas.

Desde 1995, a economia mundial não é mais dominada pelo intercambio de automóveis, aço, trigo e outros bens e artigos reais, mas pelo intercambio de dividas, acções e títulos de credito, isto que dizer, de riqueza virtual com a qual é muito fácil especular.

A síndrome do cartão de credito tornou-se um mal comum, o seu humano assume uma divida superior ao que ganha pondo sua economia pessoal na corda bamba, isso se reflecte em todos nos níveis.

A especulação em torno do capital financeiro levou a uma situação económica mais delicada que a de 1929, antes da queda da bolsa de valores em 1930.

Quase todas as economias do mundo então com problemas, especulações financeiras e os salva-vidas do governo com dinheiro de bancos que estão à beira da falência, dificultam ainda mais todo esse processo.

Existem então situações de alto risco no sistema económico, e no sistema de controle de informações e se a isso se acrescentarmos o aumento na actividade do sol que pode causar danos irreparáveis nos satélites, a situação se complica.

Com as labaredas solares, recebemos uma dose incomum de raios ultravioleta que expandem a atmosfera superior diminuindo a pressão que existe sobre os satélites que estão a baixas altitudes. Isso fará com que ele diminuam a sua órbita para outra muito mais rápida e perderemos assim o contacto temporal com eles - na melhor da hipóteses e serão interrompidas todas as comunicações por satélite no planeta, também pode acontecer que os 19.000 objectos que transitam na órbita da terra ao receber a dose alta de electromagnetismo do sol tenham seus componentes electrónicas danificados e deixem de funcionar para sempre.

Ao afectar-se a ionosfera, pela emissão de raios solares, produzem-se alterações em todas as comunicações de radio e televisão, porque é nesta camada que são transmitidas e reflectidas as diferentes frequências.

Portanto, a economia e a comunicação são sistemas frágeis e interconectados com todos os outros. A rede eléctrica é especialmente sensível às labaredas solares, como ocorreu durante 9hs em todo o Quebec em 1989.

O sistema de electricidade é a coluna vertebral de nossas sociedades contemporâneas, se um falhar, falharão um atrás do outro como pedras de dominó derrubando consecutivamente todos os sistemas. Dizem que um sistema é tão forte quanto o mais fraco de seus componentes ou elos.

Imaginemos como reagiria a nossa sociedade à todos esses acontecimentos simultâneos. A comida ficaria escassa; as comunicações seriam impossíveis; a trafego enlouqueceria em todas as cidades, a economia ficaria paralisada; a maioria de nós perderia o juízo e teria inicio a uma desordem civil que pela quantidade de pessoas envolvidas ultrapassaria as expectativas e os controles civis e militares do governo. Essa situação de descontrole total modificaria para sempre todos os sistemas da sociedade.

Os sistemas religiosos baseados em um Deus que infunde medo também entrariam em crise. Surgiria um único caminho espiritual comum a toda a humanidade que terminará com todos os limites estabelecidos entre as diferentes formas de ver Deus.

O novo dia galáctico é anunciado por todas as religiões e cultos como uma época de luz, paz e harmonia para toda a humanidade. É claro então que tudo que não produza este resultado deve desaparecer ou transformar-se, a nova época de luz não pode ter uma humanidade baseada na economia militar de imposição de verdades pela força.

 

A 6ª profecia Maia fala que nos próximos anos aparecerá um cometa cuja trajetória colocará em perigo a própria existência do ser humano.

Os maias viam os cometas como agentes de mudanças que vinham para por em equilíbrio o movimento existente para que certas estruturas se transformem permitindo a evolução da consciência colectiva. Todas as coisas têm um lugar que lhes corresponde, todas as circunstancias, até mesmo as mais adversas, são perfeitas para gerar compreensão sobre a vida, para desenvolver a consciência sobre a criação. Por isso o ser humano está constantemente enfrentando situações inesperadas que geram sofrimento a ele, é um modo de conseguir que ele reflicta sobre sua relação com o mundo e com os outros. Assim ao longo de muitas experiências em muitas vidas ele entenderá as leis naturais da razão e da criação.

Para os maias, Deus é a presença da vida em todas as formas e sua presença é infinita.

O cometa - Ajenjo como era chamado – de que fala a profecia foi também anunciado por varias religiões e culturas, por exemplo, na bíblia, no livro das revelações onde recebe o nome de "Absinto", se o cometa aparecer é possível que sua trajectória o leve a se chocar com a Terra ou então que por meios físicos ou psíquicos conseguiremos desviar sua trajectória.

Os cometas sempre fizeram parte do sistema solar, milhares de resíduos atravessam, cruzam, vão e voltam, periodicamente e inclusive se chocam com os planetas que se movem sempre tranquilos em suas órbitas regulares ao redor do sol.

A comunidade científica aceita que a 65 milhões de anos, no cretáceo terciário, um cometa caiu em Chicxulub, na península de Yucatan, no Atlântico. Causando a extinção dos dinossauros. Sua cratera com 180 km de diâmetro tem altas concentrações de Irídio – elemento muito raro na terra, mas, muito comum nos asteróides.

Associou-se o aparecimento de asteróides à momentos difíceis como a que coincidiu com a erupção do vulcão Vesúvio que destruiu Pompéia e Herculano no ano 79 d.c. ou com a queda do rei Harold por Guilherme, O Conquistador na Inglaterra e 1066 que foi registada no Tapete de Beyeux; causaram pânico colectivo com o Halley em 1910, naquela época presumiu-se que a sua cauda era de gás venenoso (o cianureto) e foram vendidas milhares de pílulas para que as pessoas se protegessem dele. Foram também causadores de suicídios colectivos com os dos 39 membros da "Porta do Céu" em 1997, que acreditavam que o enorme cometa Hali-Bopp, com 40km de diâmetro vinha buscá-los.

Os cometas sempre geraram controvérsias, mas nunca tanta como em 1456 quando reapareceu o cometa Halley que foi considerado como um agente do diabo e deveria ser expulso do céu, sendo excomungado pelo Papa Calípso III.

Foi Isaac Newton que descobriu que a gravidade mantêm os planetas girando em órbitas definidas em torno do sol e Edmond Halley, seu contemporâneo, utilizou esses cálculos para determinar as órbitas dos cometas, anunciando que a cada 76 anos o cometa Halley regressaria. Por esse motivo ele leva seu nome.

Os cometas também causaram desastres regionais como na Sibéria, sobre a rio Tungeska, em asteróide de aproximadamente 50m de diâmetro explodiu no ar em 1908, destruindo instantaneamente 2km de um bosque totalmente denso.

Alguns aproximaram-se bastante da terra como o comenta Iras-araque-aukoque, aproximou-se a 6 milhões  de km  da terra e poderia ter causado um dano maior do que se explodissem, simultaneamente,  todas as bombas atómicas existentes.

Os maias sempre estudaram e registaram os eventos do céu, seu alerta for prevenir os seres humanos do perigo de não conhecerem as órbitas e os períodos de grandes resíduos que se cruzam com a trajectória da terra. Eles sabiam que para o homem moderno, descobrir com antecedência em asteróides tão grandes que pudessem causar sua extinção e então desviá-lo seria uma das maiores façanhas da historia humana e o fato crucial que nos uniria como espécie.

Antigamente a esfera celeste era o domínio dos deuses, com o aparecimento inesperado de um objecto desconhecido que dominava a noite era motivo de medo e misticismo, por isso os maias construíram observatórios dedicados a estudar os fenómenos, eles queriam entender seus movimentos imprevisíveis no céu especialmente depois de terem estabelecido as posições dos planetas e das estrelas.

O perigo eminente nos obrigaria a construir um nível de cooperação mundial, a estabelecer um sistema de comando e controle acima dos países e uma estrutura de comunicação mundial, seria a única maneira pela qual os países abririam mão de sua soberania a um pais como as nações unidas, dando origem a um governo mundial para o bem comum.

Seria um caminho para aprender a transcender a separação que é a base de nossa sociedade.

A 7a profecia nos fala do momento em que o sistema solar, em seu giro cíclico, sai da noite para entrar no amanhecer da galáxia. Ela nos fala que nos 13 anos que vão desde 1999 até 2012, a luz emitida desde o centro da galáxia sincroniza todos os seres vivos e permite a eles concordar voluntariamente, com uma transformação interna eu produz novas realidades e que todos os seres humanos têm a oportunidade de mudar e romper suas limitações através do pensamento.

Os seres humanos que voluntariamente encontrarem seu estado de paz interior, elevando sua energia vital, levando sua frequência de vibração interior do medo para o amor poderão captar e se expressar através do pensamento e com ele florescerá o novo sentido.

A energia adicional do raio emitido por Runacku (centro da galáxia) activa o código genético de origem divina nos seres humanos que estejam em alta frequência de vibração, este sentido ampliará a consciência de todos os seres humanos gerando uma nova realidade individual, colectiva e universal.

Uma das maiores transformações ocorrerá em nível planetário, por que todos os homens conectados entre si como um só todo, darão nascimento a um novo ser na ordem galáctica. A reintegração das consciências individuais de milhões de seres humanos despertará uma nova consciência, na qual todos entenderão que fazem parte de um mesmo organismo gigantesco.

A capacidade de ler o pensamento entro os humanos revolucionará totalmente a civilização, desaparecerão todos os limites, terminara a mentira para sempre porque ninguém poderá ocultar nada, começará uma época de transparência e de luz que não poderá ser ocultada por nenhuma violência ou emoção negativa.

Desaparecerão as leis e controles externos como a policia e o exercito porque cada ser se fará responsável por seus actos, não será preciso implementar nenhum direito ou dever pela força.

Será formado um governo mundial e harmónico com os seres mais sábios e evoluídos do planeta, não existirão fronteiras nem nacionalidades, terminarão os limites impostos pela propriedade privada e não será necessário dinheiro como maneira de intercambio, serão implementadas tecnologias para o controle da luz e da energia e com elas se transformará a matéria produzindo de maneira simples todo que for necessário dando um basta à pobreza para sempre. A excelência e o desenvolvimento espiritual serão o resultado de seres em harmonia que reduzam a actividade com o que vibram mais alto, ao agir assim eles expandirão sua compreensão sobre a ordem universal.

Com a comunicação através do pensamento haverá um super sistema imunológico que eliminará as baixas vibrações do medo produzidos pelas enfermidades, prolongando cada vida dos humanos, a nova era não precisará da aprendizagem inversa, produzidas pelas doenças e sofrimento que caracterizaram os últimos milhares de anos da história.

Os serem humanos que consciente e voluntariamente encontrarem a paz interior entraram em uma nova época de aprendizagem pró contraste harmónico, a comunicação e a reintegração farão com que as experiências e lembranças individuais e os conhecimentos adquiridos sejam disponíveis sem egoísmo para todos os outros, será como uma internet em nível mental que multiplicará exponencialmente a velocidade das descobertas e serão criadas sinergias nunca antes imaginadas, terminarão os julgamentos e os valores morais que mudam com o tempo, como a moda, entenderemos que todos os actos na vida são uma maneira de alcançar uma maior compreensão e harmonia.

O respeito será o elemento fundamental da cultura, transformará o individuo e a comunidade e dará a humanidade a oportunidade de expandir-se pela galáxia.

As manifestações artísticas, as ocupações estéticas e as actividades recreativas comunitárias ocuparão a mente do ser humano.

Milhares de anos fundamentados na separação entre os homens que adoraram um deus que julga e castiga irão se transformar para sempre. O seu humano viverá a primavera galáctica, o florescimento de uma nova realidade baseada na reintegração com o planeta e com todos os seres humanos.

Neste momento compreenderemos que somos parte de um único organismo gigantesco e iremos nos conectar com a terra, uns com os outros, com nosso sol e com a galáxia inteira. Todos os seres humanos entenderão que os reinos mineral, vegetal e animal e em toda a matéria espalhada pelo universo em todas as escalas, desde um átomo até uma galáxia são seres vivos com uma consciência evolutiva.

A partir do sábado 22 de Dezembro de 2012, todas as relações serão baseadas na tolerância e na flexibilidade, porque o homem sentirá os outros seres como parte de si mesmos.


Nós vimos a cosmo visão maia da evolução do universo e as mensagens de alerta e esperança que contidas em 7 profecias, eles deixaram para todos os habitantes do planeta terra desta época.

 

Fonte

The Ancient Maya Codices

 

 

tags:
publicado por luzdecuraeamor às 18:58
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

Princípios do Reiki: Hoje eu abandono a raiva----- Hoje eu abandono as minhas preocupações------ Hoje eu conto com todas as minhas bênçãos------ Hoje eu honro os meus pais, o meu próximo, os meus mestres e os meus alimentos------ Hoje eu ganho a minha vida honestamente------ Hoje eu sou gentil com todas as criaturas vivas------

.Janeiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Profecias apontam que o p...

. PROFECIAS - RAMATIS - PLA...

. AS 7 PROFECIAS MAIAS

. AS PROFECIAS DO FINAL DO ...

. As Sete Profecias Maias

.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.links

.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. -

. 2010

. a

. anael

. anjos

. arcanjo

. as

. através

. autres-dimensions

. benção

. canalização

. canalizada

. com

. da

. de

. deus

. do

. dos

. e

. em

. fevereiro

. hilarion

. janeiro

. luz

. mãe

. maria

. marlene

. meditação

. mensagem

. mensagens

. mestre

. mestres

. miguel

. o

. oração

. os

. para

. pensamento

. por

. salusa

. todas as tags