Domingo, 6 de Junho de 2010

O Octaedro ou o Holograma do Equilíbrio


 







Ativação simples da Merkabah para criar equilibrio

Através desta meditação, Tom Kenyon ensina uma simples ativação da Merkabah para criar equilibrio

Sugerimos que você experimente isso, brinque com isso e se torne um mestre dessa simples forma geométrica. Carregue-o em sua consciência todo o tempo para que
você possa criar conforme sua vontade ou conforme você precisar, tanto para com
você ou com as pessoas que você está conectada.


Imagine-se envolto por uma pirâmide de luz que se espalha sobre você e, uma pirâmide abaixo de você, no sentido invertido onde as bases se juntem. Você se
encontra no centro dela. Se você estiver deitado, você está no quadrado onde as
bases se tocam. Você pode fazê-la do tamanho que você quiser desde que você
esteja envolto por ela. Se você estiver de pé ou sentado, o vértice do octaedro
percorre o centro do seu corpo.


Esse octaedro equilibra energia. É o equilíbrio dos aspectos masculinos e
femininos da consciência Não o deixe lograr você. É uma poderosa ferramenta para
equilibrar energias sutis. Sugerimos que crie isso várias vezes ao dia e de uma
forma agradável. Faça isso várias vezes para que essa forma possa ser criada
instantaneamente, à medida que você precisar, sem pensar nela. Um dos efeitos
colaterais de energias caóticas na terra é que, as forças magnéticas estão e
irão ser perturbadas. Isso tende a fazer com que as pessoas se sintam irritadas,
explosivas, irracionais, depressivas, sobrecarregadas e tendem a sustentar
estados mentais, emocionais e energéticos negativos. Quando você se encontrar em
um desses estados, imediatamente crie o holograma ao seu redor e, em poucos
minutos, você estará experimentando um estado de calma e equilíbrio. Quando
perceber que uma determinada área da terra está perturbada, você como um
guardião, uma deusa, um deus ou um criador, tem o direito de enviar o holograma
para aquele lugar
.


Na sua imaginação, cubra toda essa área que está perturbada, com a luz do
octaedro, e assim você estará emitindo vibrações equilibradoras. Sob nosso ponto
de vista, essa é a forma com que você melhor pode contribuir nesses tempos
efêmeros e turbulentos. Outro aspecto que gostaríamos que vocês entendessem
claramente é que, existem seres entre vocês que desejam aumentar o caos, o
terror e as catástrofes. Quando quer que um evento desses ocorra no futuro e
lhes cause medo vocês podem, com segurança, supor que esses seres estão, de
alguma forma, envolvidos. Enviando hologramas pra equilibrar essa, ou essas,
áreas de conflito, você estará criando antídotos para o veneno deles. Para seu
bem e para o bem da TERRA, sugerimos que você se torne mestre em usar esse
holograma.

 

http://tomkenyon.com

 

LEMBRANDO A TODOS OS MEDITANTES DA PAZ QUE HOJE AS 18 HORAS TEREMOS NOSSA MEDITAÇÃO DA PAZ

PELA RÁDIO ANJO DE LUZ...ESPERO VOCÊS!

publicado por luzdecuraeamor às 19:45
link | comentar | favorito

PRANAYAMA: O EQUILÍBRIO PELA RESPIRAÇÃO

O Equilíbrio Pela Respiração


Uma técnica que harmoniza os doshas e regula a distribuição de energia cósmica pelo organismo.

Pranayama é uma palavra de origem sânscrita: prana significa "energia vital" e yama "ação, atividade, movimento". Existem muitas diferentes técnicas de aplicação, cada uma direcionada a um objetivo terapêutico ou espiritual: no Yoga, por exemplo, o Pranayama é usado para obter um estado de concentração e harmonia, no Ayurveda, sua prática regula a distribuição vital, como base da harmonia entre os doshas.

A palavra prana refere-se a toda forma de energia invisível que alenta a vida. No ser humano, o prana penetra por várias as vias; há o prana do ar, da água, dos alimentos vivos (sementes, furtas etc.), da luz, do Sol, do solo. Embora, em termos gerais, a ayurveda classifica cinco tipos de prana, cada um deles governa áreas ou órgãos do corpo, em síntese o prana é apenas um, o prana aéreo, ou Vayu, a principal fonte direta de energia cósmica para os seres vivos que respiram o ar. Captado pelas vias respiratórias, é imediatamente distribuído pelo organismo, sua carência ou má distribuição possibilita o surgimento de doenças a partir da desarmonia entre os doshas, que absorvem "vorazmente" prana. Uma vez que o prana aéreo esteja em condições de equilíbrio quantitativo e qualitativo, todos os outros pranas também tendem ao equilíbrio, o mesmo ocorre em relação aos três doshas.

 

A técnica do Pranayama

Para regularizar o equilíbrio da respiração, siga os passos deste exercício simples, que dura apenas alguns minutos.

  1. Escolha um local calmo e sem ruídos, de preferência isolado das outras pessoas.
  2. O horário ideal é ao amanhecer, quando o ar está mais carregado de prana. Mas você pode fazer o exercício pela manhã, logo ao acordar. Claro que se você fizer o pranayama em algum lugar carregado de energias, muitíssimo melhor. Pode ser na praia, no campo, na montanha.
  3. Sente-se confortavelmente com as costas eretas e os pés apoiados no chão. Feche os olhos e procure relaxar, deixando a mente tranqüila.
  4. Inicie o exercício comprimindo suavemente a narina direita com o polegar exalando pela narina esquerda. Inale suavemente pela narina esquerda, enchendo os pulmões de ar; feche a narina esquerda com os dedo indicador, exalando leve e lentamente pela narina direita, repetindo o processo de alterar as narinas durante cinco minutos. Depois, recoste-se e permaneça de olhos fechados por dois ou três minutos. Medite, faça um exercício de Visualização Criativa para a autocura, ore a Deus e à Mãe Divina, ou simplesmente esvazie a mente, sem nenhuma intenção.

Lembre-se de iniciar o exercício exalando e terminar inalando, de modo suave e natural. Com um pouco de prática, cada pessoa encontra logo a cadência e o ritmo mais adequados. Realizado diariamente, o exercício de respiração polarizada (ou Pranayama Egípcio, como é conhecido entre nós, estudantes gnósticos, por ter sido muito utilizado pelos hierofantes egípcios e seus discípulos) traz uma sensação de equilíbrio, serenidade e bem-estar, que tende a crescer à medida que se aperfeiçoa o método com a prática constante.

Lembre-se: sem prática, não se chega a lugar algum. A Sabedoria gnóstica sem uma devida e equilibrada vivência, é perda de tempo. Só enche nosso intelecto, mas não nossa consciência. O venerável mestre Samael Aun Weor afirmava que o Buscador da Luz deve ter uma Intelecção Iluminada, ou seja, um correto equilíbrio entre intelecto e intuição.

Os cinco tipos de prana

  • Prana - Concentra-se no cérebro e move-se para baixo governando a respiração. Está ligado à inteligência, à sensibilidade, às funções motoras principais. Penetra no corpo sutil pelo chacra da coroa, situado no alto da cabeça, e pela inspiração do ar passando pelas narinas. É o principal tipo de energia cósmica. 

  • Vyana - Concentra-se no coração. Age no corpo inteiro governando o sistema circulatório, as articulações e os músculos. É captado do ar inspirado nos pulmões e da energia dos alimentos. 

  • Samana - Concentra-se no intestino delgado, governa o aparelho digestivo e é captado principalmente pela energia vital doa alimentos vivos (sementes, frutas, ect.). 

  • Udhana - Concentra-se na região da garganta e governa a fala, o teor da voz, a força vital, a força de vontade, o esforço, a memória e a exalação do ar. É captado sobretudo da energia que advém do chacra da garganta.

  • Apana - Concentra-se no baixo ventre, governa a evacuação e a micção, a potência sexual, o fluxo menstrual e o processo de parto. É captado pelo chacra localizado na base da coluna e pelo dos órgãos genitais (chacra prostático ou uterino).

Os três canais de energia

O pranayama é uma técnica para equilibrar a energia vital, a qual, ao penetrar no organismo, polariza-se um aspecto negativo e outro positivo (o Yin e Yang da medicina chinesa). Entrando pelas narinas, o prana polarizado percorre inicialmente os canais principais de energia localizados ao longo da coluna vertebral. Esses canais, também, são polares e segundo a ayurveda recebem o nome de Ida, Pingala e Sushumna, este canal central é o mais importante dos três. Ida, ou canal lunar (negativo), inicia-se na narina esquerda e desce serpenteando ao longo da coluna vertebral em volta de Sushumna, o canal central, até finalizar no testículo direito. Pingala, ou canal solar (positivo), inicia-se na narina direita e acompanha simetricamente a Ida. Pingala vem terminar no testículo esquerdo. Cada um desses canais semi-etéricos e semi-físicos carrega energias prânicas que se polarizam a partir das narinas.

Uma importante observação: essas polaridades comentadas logo acima referem-se a uma pessoa do sexo masculino. No caso das mulheres, a polaridade inverte-se na relação entre as narinas e os canais de energia: Ida, lunar, inicia-se na narina direita e termina no ovário esquerdo, e Pingala, solar, na narina esquerda, e terminando no ovário direito.

Percebe-se, por uma análise mais profunda sobre o acima citado que há uma íntima relação entre Respiração, Prana e Pensamento. Portanto, uma das conclusões a que chega o estudante gnóstico é que o exercício do Pranayama devidamente realizado interfere nos chacras dos testículos e dos ovários. Essa interferência gera um choque vibratório, fazendo com que a energia sexual seja transferida à velocidade da luz até o cérebro, e do cérebro distribuindo-se para todo o organismo, vitalizando-o e curando-o poderosamente. Isso é o que podemos chamar de sexualizar o corpo físico, ou seja, transfere-se a energia sexual, altamente implosiva, para todas as células do organismo, rejuvenescendo-o.

Juntos, os três canais criam uma imagem que se assemelha a duas serpentes harmoniosamente enroscadas numa haste; dessa figura originou-se o tradicional Caduceu de Mercúrio, que simboliza a Medicina Universal. Este é também, na verdade, o antigo símbolo da medicina tibetana, cujos procedimentos visam a restauração da saúde por meio de reequilíbrio das energias prânicas nos três canais principais do organismo.

Para a antiga medicina tibetana, não apenas as doenças físicas, mas inclusive as de caráter psíquico ou mental, são provocadas por alterações energética nesses canais. A partir deles, toda a energia vital é distribuída para o organismo e é através deles, ainda, que os centros de energia, ou chacras, se comunicam. Assim, todas as energias emocional e mental não somente são influenciáveis pelos três canais, como também - e principalmente - os influencia.

 

O autoconhecimento, uma condição para a saúde

Os recursos oferecidos pela Medicina Oriental (na verdade, esotérica) devem ser utilizados segundo orientação de uma sabedoria especializada, como a gnóstica. Alguns, porém, podem ser aplicados de modo mais livre, embora seja necessário que você conheça o tipo de sua constituição e possa adotar aquilo que lhe for mais adequado. É fundamental, portanto, procurar se conhecer para, finalmente, obter um equilíbrio que permita a seu organismo fazer instintiva e naturalmente as escolhas certas.

 

Os 12 Teoremas

Os 12 Teoremas são um complemento das Sete Leis e podem nos ajudar a entender melhor a polaridade universal.

 

  1. Yin e Yang são dois pólos da pura expansão infinita; eles se apresentam quando a pura expansão atinge o ponto geométrico da bifurcação.
  2. Yin e Yang surgem da continuamente pura expansão infinita.
  3. Yin é centrífugo; Yang é centrípeto; Yin e Yang produzem energia.
  4. Yin gera Yang, Yang gera Yin.
  5. A força de atração ou de repulsão entre as coisas é proporcional à diferença entre os seus componentes Yin e Yang.
  6. O excesso de Yin gera Yang e o excesso de Yang gera Yin.
  7. Todo fenômeno é produzido pela combinação entre Yin e Yang em várias proporções.
  8. Todos os fenômenos são efêmeros devido às constantes alterações das agregações dos componentes Yin e Yang.
  9. Nada é exclusivamente Yin ou Yang; tudo tem polaridade.
  10. Não existe nada neutro; Yin ou Yang estão em evidência em qualquer situação.
  11. Grande Yin atrai o pequeno Yang; Grande Yang atrai Pequeno Yin.
  12. Todas as concreções (solidificações) físicas são Yang no centro e Yin na periferia. 

 

 


 endereçognosisonline@gnosisonline.org

 

 
 
publicado por luzdecuraeamor às 18:16
link | comentar | favorito

.mais sobre mim

Princípios do Reiki: Hoje eu abandono a raiva----- Hoje eu abandono as minhas preocupações------ Hoje eu conto com todas as minhas bênçãos------ Hoje eu honro os meus pais, o meu próximo, os meus mestres e os meus alimentos------ Hoje eu ganho a minha vida honestamente------ Hoje eu sou gentil com todas as criaturas vivas------

.Janeiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O Octaedro ou o Holograma...

. PRANAYAMA: O EQUILÍBRIO P...

.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.links

.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.tags

. -

. 2010

. a

. anael

. anjos

. arcanjo

. as

. através

. autres-dimensions

. benção

. canalização

. canalizada

. com

. da

. de

. deus

. do

. dos

. e

. em

. fevereiro

. hilarion

. janeiro

. luz

. mãe

. maria

. marlene

. meditação

. mensagem

. mensagens

. mestre

. mestres

. miguel

. o

. oração

. os

. para

. pensamento

. por

. salusa

. todas as tags