Terça-feira, 13 de Julho de 2010

LEMURIANOS e ATLANTES - Nossa Ascendência Extra-Terrestre - Formação dos Corpos Etérico, Astral e Mental

LEMURIANOS E ATLANTES – sua aparência etéria, sua transformação física. Nossa Ascendência Extra-Terrestre - Formação dos corpos etérico, astral e mental

Este texto, embora longo, está muito resumido. Trata-se se satisfazer um pedido de uma das nossas amigas ANA FROST, para que eu aqui colocasse alguma informação sobre a raça lemuriana e o confronto destes com a raça atlante.
Tal confronto não existiu!
O texto é longo porque tenho de explicar o motivo da não existência desse confronto

De acordo com os ensinamentos da Mestra H.B. e seus Discípulos, - após tradução dos Antigos Escritos - os grandes Seres deixaram-nos a narração completa de toda a evolução da nossa raça, desde que a semente da Vida foi trazida por eles á nossa Terra.


AS PRIMEIRAS RAÇAS
A Primeira Raça com as suas sete sub-raças foi composta por Seres Divinos. Esses seres, actualmente, são os representantes das SETE categorias de ANJOS.
H. Blavatsky diz que eles eram descendentes dos “Homens Celestes”, chamados na filosofia hindu -“Antepassados Lunares” ou Pitris - compostos por Sete classes de Hierarquias.

A constituição destes Seres Divinos era de matéria extremamente ténue e ficou registada nos anais do Conhecimento como a “Raça dos Deuses”. Eles se encontravam em estado imaterial e assinalam o primeiro grande período evolutivo da Terra, que ainda estava em convulsões dos seus elementos.

Esta Primeira Raça que possuía formas indefinidas, - não-humanas, - foi o desenvolvimento do que seria o homem futuramente. Era imune à destruição pela morte por ser etérica e não-humana e não podia ser atingida por nenhum elemento; - mas a Segunda Raça Raiz já podia ser destruída, e foi.

As três primeiras Raças foram chamadas de auto-geradas. A procriação era feita por cissão e excrescência. As formas surgiam neles mesmos, cresciam, expandiam-se e dividiam-se de modo semelhante ao das amebas e das hidras.

O órgão auditivo foi o primeiro a ser criado na raça humana terrestre. Este órgão foi trabalhado na matéria subtil, o Éter, que compunha esta Segunda Raça-Raiz que era etérica e ténue; mas mais densa, porém, que a matéria componente da Primeira Raça. Os corpos da Segunda Raça Raiz eram gelatinosos e hermafroditas. Esta Raça carregou em si o germe da inteligência. Os Devas modelaram esta Segunda Raça.

A Primeira Raça foi absorvida pela Segunda Raça e o que era “externo na primeira torna-se interno” na segunda.
Este foi o início do processo evolutivo de nossa humanidade terrestre. A procriação da Segunda Raça foi hermafrodita, deu-se por brotação e por expansão (gotas de suor).
O seu corpo, por ser etérico, não lhes dava aparência humana no plano físico.

Os elementos Ar e o Fogo trabalharam no ciclo desta segunda Raça implantando-lhes o sentido do tacto e desenvolvendo a consciência destes seres que futuramente serão os humanos.

As condições climáticas na Terra se acalmam. Os elementos se organizaram. Os cataclismos aconteciam em menor escala. Do deserto líquido, surgiu lentamente a Terra. Formou-se o primeiro continente preparado para receber a Segunda Raça Raiz. Nesse continente, a vegetação era exuberante e o clima era tropical.Os seus habitantes não conheceram o frio.

Este continente hiperbóreo correspondia ás regiões hoje conhecidas como Pólo Norte e Ásia. Posteriormente, surgiram novas regiões que actualmente correspondem à Groelândia, parte da Sibéria e Suécia.
No final da formação da Segunda Raça Raíz, o globo terrestre sofreu grandes transformações provocadas pelo deslocamento de grandes massas de água. Os oceanos mudaram os seus leitos. Devido a estes deslocamentos de água, a grande maioria da Segunda Raça Raíz desapareceu neste primeiro grande cataclismo, causado pela evolução do planeta durante o ciclo da existência pré-humana.

RAÇA LEMURIANA
Esta Segunda Raça que era andrógina, começou a ser transformada para a dar lugar á criação da Terceira Raça, denominada de LEMURIANA.
Nesta transição houve grandes mudanças geológicas e o gigantesco continente da Lemúria surgiu após o primeiro grande dilúvio.
A Lemúria foi o berço da Terceira Raça Raiz.

Na formação e desenvolvimento da Raça lemuriana, inicia-se a densificação do planeta. Nesse período, DÁ-SE A SEPARAÇÃO DOS SEXOS. Esse foi um período em que a humanidade era composta de homens-animais não pensantes.

A consciência humana surge do desenvolvimento desta Raça, no período da vinda para este planeta da HIERARQUIA DIVINA, - a Grande Fraternidade Branca dos Planetas e Estrelas que veio implantar, impulsionar e orientar o desenvolvimento das Raças Raíz até ao término da evolução humana no sétimo ciclo que só acontecerá daqui a milhares e milhares de anos.

Com a descida da Hierarquia à Terra, houve o início da estimulação do corpo mental no homem-animal. Este é o início do processo de individualização da consciência.

A Hierarquia Divina planetária teve como seu dirigente máximo Sanat Kumara. Instalaram-se em Shambala no plano Etérico, sobre a região hoje correspondente ao deserto de Gobi.
Sanat Kumara, o Governante, acompanhado de seus Auxiliares imediatos, estabeleceu a Hierarquia Divina Oculta na Terra.

Os Senhores da Chama, vindos de Vénus, estabeleceram-se no planeta -- isto aconteceu há seis e meio milhões de anos. O actual dirigente de Shambala é o Lord Gautama.

A Hierarquia Divina Oculta é composta por Seres Cósmicos de Alta Sabedoria. Foram, são e continuarão sendo os Instrutores ocultos de nossa Raça humana até o término da evolução da Sétima Raça-Raiz.

As SEMENTES – assim são designadas pelos Grandes Seres - da Terceira Raça Raiz eram de grande beleza, após terem terminado a fase de separação dos sexos.
Nesse ciclo, a visão foi o órgão dos sentidos mais desenvolvido, facilitando o contacto da humanidade com o mundo exterior.

Aqui CHAMO A ATENÇÃO PARA ALGO POUCO CONHECIDO - No início da formação desta Raça, os lemurianos possuíam um único OLHO, localizado na parte superior da cabeça. Com o passar do tempo este olho foi-se recolhendo para o interior da cabeça, formando o que actualmente conhecemos como GLÂNDULA PINEAL, então, á medida que este olho se foi retirando para o interior da cabeça, foram surgindo os dois olhos externos.

Os lemurianos possuíam compleição gigante, assim como os animais e as plantas.
As construções arquitectónicas lemurianas eram gigantescas, construídas com enormes blocos de pedras.
A alimentação destes seres era composta principalmente de pequenos animais crus, lesmas, caracóis e lagartos. A Raça era de cor escura, mas com o tempo e o aprimoramento da Raça, houve um aclareamento da pele. O propósito da Hierarquia Divina era o de formar uma Raça branca.

No ciclo lemuriano, com a separação dos sexos, a fala foi também desenvolvida; foi quando o Manu da Raça-Raiz se manifestou fisicamente para aqui deixar sementes humanas mais evoluídas que desenvolvessem a formação e o aprimoramento da Terceira Raça-Raiz.
FOI ASSIM, QUE OS FILHOS DA LUZ SE UNIRAM A MULHERES TERRESTRES.

No período lemuriano, no tempo em que o planeta era menos denso que hoje, a Hierarquia Divina Oculta, além do seu trabalho de formação e aprimoramento da Raça humana, trouxe de Vénus para este planeta sementes de trigo, de gramíneas nativas e também de frutas. Alimentos que até hoje são consumidos pela humanidade. As abelhas e as formigas com suas complexas organizações hierárquicas grupais, também foram trazidas de Vénus.
Os Senhores de Vénus trouxeram ensinamentos - ciências, artes, astronomia, matemática, escrita, leis, arquitectura e o uso das plantas medicinais. Por influência da Hierarquia Divina Oculta os lemurianos desenvolveram a arte da civilização.

Com o passar do tempo, os Lemurianos deixaram-se levar pelos prazeres dos sentidos de maneira muito grosseira; mergulhavam na matéria cada vez mais, mas este era o Propósito Divino para a humanidade descer até mergulhar na matéria mais densa, para conhecê-la, dominá-la e conquistá-la.


Isto levou ao aparecimento de duas fações -  Surgiram as guerras entre o grupo que seguia as Leis Divinas e o grupo que se entregou ao prazer dos sentidos.
Próximo do tempo de começar a formação da Quarta Raça Raiz, O Manu da futura Raça Atlante, Lorde Himalaya, escolheu os lemurianos, de melhor aparência, os indivíduos que melhor poderiam adaptar-se ao apuramento da Raça ainda por vir. Estas sementes eram os indivíduos mais desenvolvidos intelectualmente; seus corpos eram os mais densos e robustos, pois a matéria continuava no seu processo de densificação; os escolhidos foram conduzidos à Terra Sagrada, Shambala e posteriormente, este grupo foi dividido em sete sub-raças.

ATENÇÃO
No final do ciclo da Terceira Raça, devido ao descontrole dos instintos, houve a mistura da raça Lemuriana com um determinado tipo de animal; desta fusão surgiram os macacos antropóides. Actualmente, a semelhança destes mamíferos com os humanos é devida a esta fusão. O macaco descende do homem, não o homem do macaco como prega a Ciência.

Com o passar do tempo, os lemurianos entravam cada vez mais num processo de degradação. Devido a tantos desmandos, a Hierarquia Divina apressou o cataclismo que sepultou o continente lemuriano e seu povo.
Enquanto o continente lemuriano se desintegrava, formava-se o continente atlante. Os sobreviventes do grande cataclismo, ficaram isolados em ilhas.

Humanos remanescentes Raça lemuriana, são hoje encontrados na Austrália (os aborígenes) e também em outras partes do globo terrestre. A Raça acentuadamente escura é remanescente dos lemurianos.

RAÇA ATLANTE
Com o desenvolvimento da Quarta Raça Raiz, a Atlante,  chegou o período propriamente humano. Foi a primeira Raça a surgir pela união dos sexos.

A grande civilização atlante floresceu aos cuidados dos Senhores de Vénus, por meio de Shambala, a Terra Sagrada localizada no plano Etérico.
Os Seres Divinos exerceram grande influência no desenvolvimento do progresso da Raça. Houve grandes avanços na agricultura e na arquitectura. Este período inicial da formação da Quarta Raça foi muito profícuo, tranquilo e pacífico.

Milhares de anos transcorreram entre o final do período lemuriano e o surgimento da Raça atlante.
Essa civilização aprofundou-se nos estudos científicos, voltados exclusivamente para fins construtivos.
Na área da agricultura experimental, fizeram formidáveis pesquisas sobre o assunto das plantas e sobre o crescimento dos animais.
Houve importantes resultados na área da cura, pois tinham como meta a total erradicação das doenças.
Os atlantes dominavam a alquimia e conseguiram produzir “metais Preciosos”. Aprofundaram-se no estudo das energias, obtendo grande domínio sobre as forças subtis da Natureza. Eles possuíam o conhecimento e o domínio sobre o elemento Éter.

Locomoviam-se por meio de aeronaves, que posteriormente utilizaram para fins destrutivos.
No auge da civilização, desenvolveram o estudo da astronomia. O zodíaco foi mapeado neste período.
A matéria no período atlante atinge seu ponto máximo de densidade. Toda a matéria que compunha o planeta era extremamente dura. Os minerais eram mais resistentes que os actuais. Este foi um dos motivos de - O TERCEIRO OLHO (3ª Visão) - se retrair totalmente devido a esta extrema densificação.

No final do período da Raça lemuriana, o corpo Emocional ou Astral encontrava-se no início de sua formação.
No período Atlante, este corpo atinge um maior grau de desenvolvimento, tornando as pessoas capazes de uma vida mais sensitiva. Foi quando os atlantes se tornaram escravos dos estímulos externos.
No ocidente, a sub-raça atlante tolteca foi a que mais se desenvolveu intelectualmente. A sua compleição física era gigantesca. Possuíam corpos físicos muito densos. Suas feições eram regulares e belas.

Mas com o passar do tempo, o continente atlante passou a ser governado por seres altamente destrutivos.
A Atlântida tornou-se uma nação de magos negros. Esse é o exacto período em que a matéria atinge o auge da densidade. A maioria da Raça atlante, através da magia negra, desenvolveu grande domínio sobre os elementais da natureza. Como consequência de tantos desmandos, surgiu o conflito entre o grupo da Luz e o grupo das trevas.

O grupo das trevas, associado a elementais destrutivos, tomou o poder sobre o continente atlante e o Imperador ligado às forças do mal torna-se o Imperador absoluto do continente. O Imperador Branco, ligado à Shambala, foi derrotado pelo exército das forças involutivas.


A Cidade das Portas Douradas, na Atlântida, morada dos governantes da Luz, caiu em mãos do Imperador ligado às forças das trevas.
Através do mundo supra-físico, os magos negros adquiriram grande poder; estes feiticeiros tinham como aliados poderosos elementais do plano astral, que tinham a capacidade de se materializar nas festividades, tomando formas enganosas com magníficas aparências e, e por isso, passaram a ser adorados como deuses pelos atlantes.

Com o tempo, estes poderosos elementais começaram a exigir sacrifícios sangrentos de animais e de seres humanos nos rituais.
Fundaram um reino que possuía poderoso exército que era contrário aos preceitos do Plano da Criação para este planeta.

Então, chegou o tempo em que a Natureza se rebelou contra as acções desses seres tenebrosos.

De Shambala foi emitida a ordem de destruir e purificar o grande continente atlante. Os habitantes servidores da Luz receberam ordem de abandonar o continente, pois este seria totalmente destruído.
E foi.
Submergiu sob as águas do oceano, e com o continente submergiu quase toda a sua população
.
Lord Vaisvatva, o Manu da Quinta Raça Raíz, reuniu dentre os atlantes pertencentes à quinta sub-raça Atlante as sementes da Raça a ser formada.
Os escolhidos foram conduzidos até Shambala para serem protegidos das guerras entre o Imperador da Luz e os senhores da Face Tenebrosa.

Muitas Eras foram necessárias para a Quinta Raça se tornar apta a surgir no actual Quarto Ciclo ou Quarta Esfera da nossa Cadeia – a Terra.

O Quinto sentido, a Mente, é acrescido aos quatro já formados - audição, visão, tacto e olfacto.

O aspecto físico da humanidade hoje é consequência do desenvolvimento da Quinta Raça ariana. Esta Raça é chamada de a Raça dos Filhos da Mente que sob a supervisão de Shambala, surgiu como um novo e belo tipo, mais aperfeiçoado e refinado de raça humana, o actual.
Esta etapa em que somos “Humanos aperfeiçoados”, é a etapa mais complexa e a mais dura, porque nela se trava a forte luta entre o Espírito e a Matéria; - os dois lutam intensamente entre si pelo predomínio do mais forte.
Quando no final da luta se ergue o Espirito como Senhor da Matéria, como dono da vida e da morte, Ele em sua evolução “super-humana”, - deixa de ser o Homem que conhecemos, - para se transformar no num Super-Homem- (nome exibido nos textos), - porque Ele atingiu os fins designados pelas Leis Divinas – Ele atingiu a limite que o Pai estabeleceu.

Compilado e composto por
MariaHelena Guerra
Anjo de luz
publicado por luzdecuraeamor às 21:57
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

Princípios do Reiki: Hoje eu abandono a raiva----- Hoje eu abandono as minhas preocupações------ Hoje eu conto com todas as minhas bênçãos------ Hoje eu honro os meus pais, o meu próximo, os meus mestres e os meus alimentos------ Hoje eu ganho a minha vida honestamente------ Hoje eu sou gentil com todas as criaturas vivas------

.Janeiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Pensamento de 3 de Janeir...

. Energia e Astrologia do d...

. CHEQUES DA ABUNDÂNCIA - F...

. Pensamento 2 de Janeiro d...

. Pensamento 1 de Janeiro d...

. Mensagem de Mãe Maria

. SUA CENTELHA DE DIVINDADE...

. ATIVAÇÃO para 10.10.2010 ...

. Corrente Portal de 10 de...

. Por que a arruda funciona...

.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

.links

.arquivos

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008


.tags

. -

. 2010

. a

. anael

. anjos

. arcanjo

. as

. através

. autres-dimensions

. benção

. canalização

. canalizada

. com

. da

. de

. deus

. do

. dos

. e

. em

. fevereiro

. hilarion

. janeiro

. luz

. mãe

. maria

. marlene

. meditação

. mensagem

. mensagens

. mestre

. mestres

. miguel

. o

. oração

. os

. para

. pensamento

. por

. salusa

. todas as tags

.recomendados

DominiodosAnjos